Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

via iPhone

Comida maravilhosa, ambiente incrível e atendimento impecável!

Ótimo lugar para um aconchegante encontro entre amigos íntimos ou comemorações românticas! Há um ambiente ao ar livre encantador, poesia e objetos decorando o local.

Recomendo o risoto de pernil de
carneiro com vinho tinto seguido da sobremesa napolitana - um bolinho de chocolate com sorvete de creme e morangos.
Primeira opinião do lugar

Ao chegar na frente do restaurante, uma escadinha bonitinha já prepara o que vem pela frente. Subindo, a primeira visão é um jardim bem charmosinho, uma iluminação dominada por velas e muito bom gosto na decoração. Cada detalhe deixa o restaurante mais bonitinho. Eu fiquei boquiaberto com os penduricalhos e as palavras italianas delicadamente escritas naquela parede com um vermelho lindo (o mesmo que há horas eu quero colocar na minha sala).

Chegamos cedo e podemos escolher a mesa que mais nos agradou, num cantinho, bem ao lado de um fogão à lenha. Neste, um chá de maçã com canela era aquecido especialmente para aromatizar o ambiente com um cheiro fantástico. Me deu vontade de beber aquilo até, mas a Jana me conteve.

Ao invés do chá, resolvemos beber uma Cave Geisse Nature, geladíssima e com um perlageeeeee incrível. Essas espumantes brasileiras cada vez mais me surpreendem pela qualidade e tem passado com freqüência no teste do dia seguinte sem dor de cabeça. Muito boa!

Enquanto beliscávamos os deliciosos pãezinhos da entrada, escolhemos o nosso risoto. Por causa da bebida (provavelmente) esqueci do nome, mas o Risoto tinha filé, nata e alecrim e era de comer ajoelhado. Vieram servidos nas marrentas Le Creuset, que os mantiveram bem quentinhos. Existiam ainda outras diversas opções maravilhosas como um risoto com cordeiro e vinho tinto e até um com uvas. No Tutto, dá até pra fazer “roleta russa” e pedir aquele em que o dedo parou. Não tem erro.

Eu e a Jana passamos da conta no risoto. Comemos muito, mas é impossível parar enquanto ainda existe um grãozinho de arroz na panela. Uma pena, porque dessa vez não consegui comer uma das minhas sobremesas preferidas, o Dolci Riso, um arroz de leite quentinho com canela. Melhor coisa do mundo.

Os 60 reais por pessoa pareceram baratos ao final de uma noite como aquela. Só não saiu mais cara, porque a Jana me conteve mais uma vez. Queria dar um lance pra levar um sugestivo do quadro.
Foto opinião do Diego Fabris sobre Tutto Riso
Você conhece o Tutto Riso? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: