Restaurante Sumi-ê

nota 3.9 de 5 em 5 opiniões
| Rank: 484º de 878 | Restaurantes Japonês


Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Hoje dia de comer comida japonesa, mas nada de sushi ou sashimi, muito menos peixe crú, hoje foi dia de saborear um belo peixe grelhado, simples e muito saboroso. De entrada, um otoshi (algo parecido com um couvert), formado por sunomono e um petisco de peixe empanado. O sunomono parece sair bastante da simplicidade, com kani, alface e um molho agridoce um tanto doce, deixa o sabor com uma mistura diferente, algo adocicado e com mais sabor de kani do que de pepino, que parece muito superficial. Já o peixe é bem frito, seco e empanado, algo saboroso e que com com um pouco de tarê, algo que serve bem de petisco. O prato principal tem uma apresentação bem impressionante, uma bela posta de anchova bem grelhada impressiona muito pelo tamanho, como acompanhamentos: gohan, harumaki (rolinho primavera), guioza, batatinha cozida coberta com tarê, brócolis grelhado e uma cama com lâminas de pepino e repolho ralado. Na degustação, o peixe tem um sabor bem suave e uma consistência bem firme, algo que facilita um tanto de pegar com hashi, mas dificulta por não ser fácil cortá-lo. O gohan segue a mesma simplicidade do peixe, parecendo ser mais um arroz normal, mas mais grudado, sem perder o frescor ou ser muito úmido. Os legumes quentes são um tanto temperado e saborosos, servem bem pra dar uma a mais no pratos, já os frios são o básico pra dar mais um enfeite, sem nada de mais no sabor. O rolinho primavera é bem feito, seco, bem frito e com bastante sabor de legumes, agrada muito no sabor, além de ter uma casca mais macia o que facilita na degustação. O guioza tem um sabor um tanto forte de carne de porco, bem cozido, tem algumas marcas um pouco escurecidas, além das pontas estarem levemente duras, o que deu uma impressão de terem passado por uma leve fritura ou coisa do tipo antes de ser servido, mas nada que atrapalhasse na degustação. Na mistura de sabores, tudo muito bem separado, por um lado uma simplicidade do sabor, até em excesso, dos principais ingredientes, deixando pra alguns acompanhamentos, que vem até em pouca quantidade, algo mais temperado e diferente. Por fim o missoshiro é bem feito, com um tanto de sabor que agrada, alguns pedacinhos de tofu e o mínimo de cebolinha, algo muito bom e fácil de saborear. No geral, um prato que tem muita coisa bonita de se ver e que no sabor se vale pela simplicidade, sendo aqui um lugar mais requintado e com um preço elevado, poderia ter um certo diferencial, nada que atrapalhe a degustação, mas quem pensa em algo diferente, talvez seja melhor um outro prato.

#Executivo #Quente #otoshi #missoshirô #guioza #harumaki #gohan #legumes #Anchova #almoço #comida #restaurante #japonês #Japão #sunomono #pepino #kani #alface #agridoce #peixe #empanado #frito #molho #grelhado #arroz #SumiÊ #GuiasLocais #LocalGuides #XinGourmet

Executivo Quente (otoshi, missoshirô, guioza, harumaki, gohan, legumes e Anchova) - R$39,90
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Hoje dia de comer comida japonesa, mas nada de sushi ou sashimi, muito menos peixe crú, hoje foi dia de saborear um belo peixe grelhado, simples e muito saboroso. De entrada, um otoshi (algo parecido com um couvert), formado por sunomono e um petisco de peixe empanado. O sunomono parece sair bastante da simplicidade, com kani, alface e um molho agridoce um tanto doce, deixa o sabor com uma mistura diferente, algo adocicado e com mais sabor de kani do que de pepino, que parece muito superficial. Já o peixe é bem frito, seco e empanado, algo saboroso e que com com um pouco de tarê, algo que serve bem de petisco. O prato principal tem uma apresentação bem impressionante, uma bela posta de anchova bem grelhada impressiona muito pelo tamanho, como acompanhamentos: gohan, harumaki (rolinho primavera), guioza, batatinha cozida coberta com tarê, brócolis grelhado e uma cama com lâminas de pepino e repolho ralado. Na degustação, o peixe tem um sabor bem suave e uma consistência bem firme, algo que facilita um tanto de pegar com hashi, mas dificulta por não ser fácil cortá-lo. O gohan segue a mesma simplicidade do peixe, parecendo ser mais um arroz normal, mas mais grudado, sem perder o frescor ou ser muito úmido. Os legumes quentes são um tanto temperado e saborosos, servem bem pra dar uma a mais no pratos, já os frios são o básico pra dar mais um enfeite, sem nada de mais no sabor. O rolinho primavera é bem feito, seco, bem frito e com bastante sabor de legumes, agrada muito no sabor, além de ter uma casca mais macia o que facilita na degustação. O guioza tem um sabor um tanto forte de carne de porco, bem cozido, tem algumas marcas um pouco escurecidas, além das pontas estarem levemente duras, o que deu uma impressão de terem passado por uma leve fritura ou coisa do tipo antes de ser servido, mas nada que atrapalhasse na degustação. Na mistura de sabores, tudo muito bem separado, por um lado uma simplicidade do sabor, até em excesso, dos principais ingredientes, deixando pra alguns acompanhamentos, que vem até em pouca quantidade, algo mais temperado e diferente. Por fim o missoshiro é bem feito, com um tanto de sabor que agrada, alguns pedacinhos de tofu e o mínimo de cebolinha, algo muito bom e fácil de saborear. No geral, um prato que tem muita coisa bonita de se ver e que no sabor se vale pela simplicidade, sendo aqui um lugar mais requintado e com um preço elevado, poderia ter um certo diferencial, nada que atrapalhe a degustação, mas quem pensa em algo diferente, talvez seja melhor um outro prato.

#Executivo #Quente #otoshi #missoshirô #guioza #harumaki #gohan #legumes #Anchova #almoço #comida #restaurante #japonês #Japão #sunomono #pepino #kani #alface #agridoce #peixe #empanado #frito #molho #grelhado #arroz #SumiÊ #GuiasLocais #LocalGuides #XinGourmet

Executivo Quente (otoshi, missoshirô, guioza, harumaki, gohan, legumes e Anchova) - R$39,90
Festival com repetição a R$ 63,00 por pessoa, peixes frescos no sashimi e sushi muito bom, os sucos e caipirinhas inventivos e gostosos. Drinks clássicos bem feitos. À La Carte, o yakissoba é um dos melhores de São Paulo e os combinados são bem caprichados. Uma opção ao Festival é a Opção Sumi_ê, tudo que é servido no Festival mas sem repetição e com uma sobremesa da casa incluída.

Hoje dia de comida japonesa... de novo! (parece que como comida japonesa a cada 15 dias, mas é mera coincidência hahahah) De cara uma coisa bem preocupante, o cardápio é bem caro, bem mais que os outros lugares da região, e o festival tem várias restrições, o que incomoda bastante se vier com orçamento restrito... e como é caro, tem que ser bom, e aqui faz jus ao caso! Pedi um combinado bem variado e interessante. De cara o clássico sunomono, mas parexe que o clássico ficou muito no nome mesmo, o agridoce perdeu o agri e dexou o 'vinagre' muito doce, praticamente foi comer pepino com um melado aguado, realmente nada a ver com agridoce, e tambem veio uma folhinha de alface e um raladinho de kani, um certo diferencial interessante, mas que fugiu um tanto de poder saborear melhor o pepino japonês com tempero agridoce. Depois o temaki, e se a coisa andava esquisita até aqui, então o temaki veio na hora certa de mostrar a qualidade da casa. Um belo temaki de skin moído com uma boa dose de tarê, mostra uma certa beleza, e no sabor isso melhora bastante. O skin é muito saboroso e domina fortemente o sabor do temaki, a parte de cima fica bem misturado com o tarê, que apesar de forte, casa bem no temaki. Como o tarê só fica na parte de cima o resto do temaki fica praticamente puro skin, mesmo tendo una boa dose de arroz (e talvez uma dosesinha de nada de cream cheese), o gosto é do skin, e realmente é um diferencial (que deveria ser mais comum em todo lugar) ter o gosto do 'peixe' como principal, e não do arroz ou do cream cheese, um temaki com sabor muito delicioso que merece muitos elogios 😃 O combinado aparece num prato bem distribuído, e até um pouco grande demais pra 20 pedaços rs Os sashimis tem um corte bem grosso, são bem consistentes e em todos os peixes são bem saborosos, peixes com excelente frescor, realmente admirável 😃 Com ou sem shoyu, os peixes estavam ótimos 😃 Os niguiris, segue o estilo do temaki: o importante é o gosto do peixe! E mais uma vez fatias grossas de peixe embalam o gohan, e com sabor bem sobressalente, mais uma vez os elogios dos sashimis se aplicam aqui, realmente sabores bem agradáveis 😃 Os hossomakis... seguem a mesma linha, bem consistentes, com uma boa dose de peixe e sabor bem destacado, e sabor de peixe fresco, bem fresco 😃 Os uramakis... bom, também estavam excelentes e bem feitos... e tudo que disse dos outros sushis se aplicam aqui perfeitamente, sempre destacando o sabor dos peixes que realmente estavam acima da média hahaha Os djô... que não estavam no cardápio, estavam bem escorregadios rs, mas estavam também bem saborosos, tanto salmão por fora, quanto o salmão batido estavam com gostos bem acentuados, e diferentes, apesar de ser tudo salmão rs E por fim os hotholls... e aí poderia dizer que estavam excelentes, magníficos e tudo mais... #SQN, acabei finalizando o combinado com algo que mais parece arroz frito, praticamente não tina peixe, e o gosto basicamente foi da casca crocante com tarê, realmente uma infelicidade terminar o combinado com algo que pareceu um pouco mal feito num combinado praticamente perfeito 😔 Um fato bem interessante, é que o gohan praticamente era um mero acompanhamento, em quase nenhum sushi o seu gosto aparecia forte ou com algum tempero diferente ou destaque qualquer, aqui não existe o truque do gohan pra te encher mais que os peixes, e esse ponto realmente também me agradou bastante 😃 A casa é bem bonita, do externo ao interno mostra um certo refino, um ambiente bem agradável e vários quadros decorativos com kanjis e samurais desenhados, a luz baixa alguns quadros com anotações à gis também tornam o ambiente um pouco mais descontraído, tudo bem agradável 😃 O atendimento é bem imperceptível, basicamente estão ali pra perguntar e servir, sem nenhum tipo de pró atividade ou nenhum tipo de demonstração de nada, até o boa tarde parece que faltou rs No geral, um lugar que assusta um tanto por mostrar que é caro inclusive pro padrão da região, mas é bem compensador pela qualidade da comida, que realmente é bem difícil de encontrar em outro lugar, aqui o ditado de que 'o que é bom, é caro' faz jus ao extremo, realmente é uma comida fora de série com um preço salgado. De resto algumas falhazinhas simples que não estragam o prazer de comer uma magnífica comida japonesa :)

#almoço #comida #restaurante #japones #peixeCru #temaki #sushi #sashimi #sunomono

Huang - R$50
Primeira opinião do lugar

via Android

Especialista em Restaurantes Japoneses com 19 opiniões na categoria

Restaurante japa mais chique da Verbo Divino. Ambiente climatizado e aconchegante. Bem silencioso e com bom atendimwntim. Pedi um teppan de frango (R$30) que estava bem gostoso. Rola rodízio e outros pratos com sushi. Sai na faixa de uns 70-80 por pessoa, o que não é muito barato para um almoço. Mas em geral, gostei da comida e do ambiente!
Foto opinião do Rodrigo A. sobre Restaurante Sumi-ê
Você conhece o Restaurante Sumi-ê? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: