Praça Pan-Americana

nota 2.1 de 5 em 34 opiniões
| Rank: 23º de 90 | Praças
Oferta

Quer receber ofertas do(a) Praça Pan-Americana?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores.

Baixe grátis nosso aplicativo e confira as ofertas:

Escolha seu celular:      
Divulgue seu estabelecimento aqui
Saiba como
Dicas rápidas Ver todas as dicas
avaliações recomendadas
Nosso sistema de inteligência artificial recomenda automaticamente as opiniões com maior probabilidade de serem relevantes a você. Ele leva em conta diversos fatores como, por exemplo, a qualidade de texto e fotos, e o histórico de publicações do autor. Apenas as avaliações recomendadas são levadas em conta na avaliação geral do estabelecimento.
   
Selecione uma nota

A praça é espaçosa e tem até um lugar com barras para se exercitar. Mas o problema é em volta: o trânsito ao redor é caótico e é preciso atenção redobrada, tanto motoristas quanto transeuntes. A Praça Panamericana é uma praça localizada no distrito do Alto de Pinheiros, no município de São Paulo. Próxima à Marginal Pinheiros, a praça é uma zona de confluência de trânsito intenso entre quem vem do Butantã, do CEAGESP, da Vila Madalena e de Pinheiros. É repleta de instituições bancárias, supermercados, farmácias, postos de gasolina e restaurantes e tem algumas opções de lazer e sua proximidade com o Parque Vila Lobos. Também é rota de passeios ciclísticos aos finais de semana.
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Provavelmente, a praça mais inútil que já vi na minha vida.
Na verdade, a Praça Panamericana não é uma praça, e sim um espaço na parte de dentro de uma rotatória de grande importância no Alto de Pinheiros.
A praça, além das árvores, não tem mais nada. Ah, tem um ponto de ônibus...
Enfim, acho um erro chamar esse espaço de praça, afinal praça é um lugar agradável, com bancos, com bastante gente passando. Totalmente o oposto da Panamericana.
Resumindo, se quer um lugar legal para sentar e curtir, vá até o Villa Lobos :)
Foto opinião do Rodrigo A. sobre Praça Pan-Americana

via iPhone

Na verdade acho que a Praça Pan-americana e mais uma grande rotatória onde circulam todos os dias milhares de carros, pois está no alto de Pinheiros e através de suas travessas é possível acessar a marginal Pinheiros, a Lapa e outras localidades, a praça tem dois supermercados, farmácia, bancos, Mc donald's e algumas empresas, para o pedestre não é um lugar para contemplação e sim de passagem ou acesso à algum dos serviços existentes, tb não é permitido estacionar, somente nas lojas que ali se encontram.

Uma praça, ampla, segura e feliz!!

Tem lugar para andar de bike, caminhar e correr.
Bancos, mercados Pão de Açúcar, postos de gasolina, ótimos lugares para comer, etc

O melhor da praça é funcionar como acesso as principais vias da Vila Madalena, Alto de Pinheiros, Pinheiros e a Vila Leopoldina...

A Praça Pan-Americana é um grande ponto de referência na região de Pinheiros para quem anda de carro, por isso o acesso a praça é complicado devido ao transito intenso.

Como praça ela tem uma tamanho considerável, mas não possui nenhum tipo de atrativo, exceto por uns 3 aparelhos de alongamento que raramente são usados pelas pessoas que fazem caminhada por ali. Poderia ter mais árvores, já que é um grande campo aberto.

Tem uma estátua sem placa, que depois descobri que se trata de Cristovão Colombo.

Nas avenidas que circundam a praça há supermercados, farmácias, bancos, e restaurantes, e diversos comércios.

Não há o que fazer por aqui, exceto passar por ela.

Uma praça bem tranquila em meio ao caos de SP. Em volta você tem vários tipos de lojas (McDonalds, Pão de Açúcar, Extra, drogaria, doceria) e bancos também.

É uma boa opção comprar coisas aí pra quem trabalha por perto.

Eu gosto de andar e fazer o contorno da praça (cara, é muito legal) pra poder chegar onde eu quero.

A única coisa ruim é de manhã que tem uma galerinha meio suspeita na praça, mas nada que o trânsito impeça que façam alguma coisa com quem está do outro lado da rua.

Se o intuito de quem planejou a Pan-Americana era criar uma praça, errou feio. Não é uma praça, é uma rotatória para veículos, com alguns comércios ao redor. Para os pedestres, não tem função alguma além de perigo. Para os motoristas, ajuda os que estão na marginal e precisam adentrar aos bairros de Pinheiros, Lapa, Vila Madalena etc. (ela faz a ligação com a Ponte Cidade Universitária). É caminho também para o Parque Villa Lobos, e aos domingos funciona a ciclofaixa, que oferece um pouco menos de perigo aos que não estão de carro (aos ciclistas, pois os pedestres continuam nas mesmas condições). Há jardim mas não é arborizada, o que não permite nem que a gente sente por ali pra dar uma refrescada básica nos dias quentes. É um local que não cumpre sua função (função de ser praça, é claro).

A Praça Pan-Americana é a praça, como disseram nas opiniões anteriores, a praça dos carros. Péssimo lugar para passar o tempo. Bom... É mais uma rotatória gigantesca com algumas árvores, por isso não é local pra convívio mesmo, mas dado o fluxo de pessoas que passam por lá, é necessário que criem faixas de pedestre nas ruas que acabam na rotatória. Atravessar já é difícil para pessoas jovens, imagine para mulheres grávidas e idosos.

Ah, não se deixem enganar pelas fotos do post.

A Praça Pan (somente para os mais íntimos) é um modelo de rotatório bem eficiente pra soluções de trânsito no Alto de Pinheiros.

É uma praça muito bonita e bem cuidada, que tem árvores, vegetação rasteira, e é enorme. Passagem obrigatória pra quem está passando pela Av. Prof. Fonseca Rodrigues e quem vai em direção à ponte Cidade Universitária.

É uma bela paisagem verde e um diferencial em relação a quem sempre está acostumado a ver prédios, concreto e asfalto.

Sabe uma praça? Então, a Praça Pan-Americana não é uma praça, apesar do nome dizer que é. Hahaha. Entendeu? Não? Que absurdo. É confuso, eu sei, mas é bem assim mesmo. Uma praça que não tem nenhuma característica de tal, mas leva o nome mesmo assim.
A mais cruel verdade que assombra a existência desse lugar é que a praça é apenas uma grande rotatória. Tudo bem, os espaços que fazem parte da praça tem algumas árvores, grama e uma estátua legalzinha. Mas é só isso. Não tem brinquedos, bancos, gente jogando xadrez ... nada disso!
Por isso, a mais triste realidade da Praça Pan-Americana é que ela não é uma praça. :( Praça da depressão! Que triste isso, não é? Mas enfim, o lado bom é que ela dá acesso para vários pontos importantes da região. E o comércio ao redor da praça também é ótimo.

Apesar do nome ser esse, não considero o lugar uma praça, para mim é apenas uma grande rotatória que fica congestionada quase sempre.

Raramente há movimento de pessoas na praça, algumas vezes há treinos noturnos de rugby, mas algo bem esporádico e acredito que fechado, sendo equipe de alguma faculdade.

O ponto positivo é que nos arredores há quase todo tipo de comércio de primeira necessidade, incluindo: bancos, supermercados, farmácias, restaurantes, entre outros.
Foto opinião do Caio Bastasini sobre Praça Pan-Americana

Um lugar no qual pouco se para e se aprecia. Não que haja muito a apreciar. O trânsito é horrendo em boa parte do dia e de noite a segurança não é o forte. Mas os supermercados ao redor garantem o fim da fome. E só...

É uma rotatória com nome de praça - e só! Praça, pra mim que sou do interior, é aquele lugar pra levar o cachorro pra passear, com bancos, sombras, um comérciozinho bacana e tal.

A Praça Pan-Americana é uma não-praça! Sem lugar pra sentar, com poucas faixas de pedestres (principalmente pra quem vem da estação Cidade Universitária da CPTM), com nenhuma sombra e muitos - mas MUITOS - carros.

É um lugar difícil para o pedestre, mas bastante importante para o cara motorizado - une vias importantes, como todos que vêm da USP/Butantã/Marginal Pinheiros na altura da ponte Cid. Universitária, Pinheiros, Vila Leopoldina e Vila Ida. Ou seja, é sempre muito lotado.

Se for um transeunte, evite andar muito por essas áreas - opte pelas ruelas próximas - se for um cara de carro, evite horários de pico.
Primeira opinião do lugar

Uma praça que parece que é feita para carros, pois quase não há lugares para atravessar e é bem perigoso pois os carros passam em alta velocidade e em grande quantidade. Não há nada de atrativo nela e funciona mais como uma grande rotatória para carros
Exibindo 14 opiniões | Total de 34 opiniões
Você conhece o Praça Pan-Americana? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Conteúdo relacionado O que fazer em São Paulo?
Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: