Oferta

Quer receber ofertas do(a) Pasteis De Belem?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores.

Baixe grátis nosso aplicativo e confira as ofertas:

Escolha seu celular:      
Divulgue seu estabelecimento aqui
Saiba como
Dicas rápidas Ver todas as dicas
avaliações recomendadas
Nosso sistema de inteligência artificial recomenda automaticamente as opiniões com maior probabilidade de serem relevantes a você. Ele leva em conta diversos fatores como, por exemplo, a qualidade de texto e fotos, e o histórico de publicações do autor. Apenas as avaliações recomendadas são levadas em conta na avaliação geral do estabelecimento.
   
Selecione uma nota

via Android

Se você foi a Lisboa e não comeu o pastel de Belém, você não foi a Portugal. O pastel de Belém é meu doce favorito! O melhor pastel de Belém você come em Belém. É um dos pontos mais procurados em Lisboa, então vá com paciência pois provavelmente vai esperar bastante para conseguir pedir e se conseguir uma mesa, se considere sortudo
Mas vale muito a pena. Se todo mundo comesse um pastel de belem com um espresso todos os dias, aposto que esse mundo seria mais feliz hahhaa
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Os pastéis de Belém são excelentes, além de deliciosos, são viciantes. Você sempre quer comer mais um. O ambiente é agradável e o atendimento é bom, os garçons são simpáticos e atenciosos. O local esta sempre cheio. Ele aparenta ser pequeno, pois tem uma entrada acanhada, mas no interior tem um amplo salão com muitas mesas.
É aquele tipo de lugar apontado por quase todos os guias de viagem como “visita obrigatória”. Os pastéis de nata são fabricados aqui desde 1837 e os donos garantem que até hoje se trata da mesma receita — um segredo, aliás, guardado sob sete chaves. Estive no local e os comi quentinhos com canela .. Se os guias recomendam, eu também recomendo.
Foto opinião do Katia Cristina Fonseca sobre Pasteis De Belem
O pastel de belém, que na verdade é doce, é o prato típico e mais famoso de Lisboa, talvez de Portugal. É uma visita obrigatória para quem vai conhecer a cidade. A loja tem um interior muito grande, porém é sempre muito lotada, principalmente em alta estação, sendo difícil conseguir mesas. As filas do lado de fora são grandes, mas andam rápido. A loja serve diversos outros tipos de comida.

Os famosos doces portugueses pastéis de belém têm um endereço histórico de origem em Portugal, próximo do Mosteiro dos Jerônimos e da famosa Torre de Belém, alguns dos mais interessantes registros arquitetônicos da época manuelina.

Fundada em 1837, a confeitaria Pastéis de Belém mantém a mesma antiga e secreta receita desenvolvida pelos monges do mosteiro. O sabor dos pastéis é realmente muito bom. São cremosos, com suave massa folhada e leve pitada de canela que o próprio cliente dosa sobre os pastéis, quase sempre servidos ainda quentes.

Geralmente está lotado de turistas e estudantes que visitam os monumentos próximos, que são muitos além dos já citados. Aliás, a residência oficial do Presidente da República também fica perto da confeitaria.

O ambiente é relativamente simples, nada de sofisticado. É uma confeitaria que chega aos seus 177 anos, mantendo uma tradição de geração para geração.

Além dos famosos Pastéis de Belém, a confeitaria oferece outros produtos com base em receitas tradicionais: Bolo Inglês, Bolo de Amor, Bolo de Canela, Bolo Rainha, Bolo Rei, Palitos de Sintra, Geleias e compotas de tomate, laranja, marmelo...

Se você visitar a cidade de Lisboa não pode deixar de visitar Belém e aproveitar para experimentar os famosos pastéis. É um local com muitos monumentos históricos que retratam o passado de Portugal, com uma atmosfera que remete ao período anterior aos descobrimentos. Foi de Belém de partiram as caravelas comandadas por Cabral e Vasco da Gama e que descobriram, respectivamente, o Brasil e a nova rota para as Índias.

Mas o que é esse pastelzinho de Belém?? Delícia, delícia, delícia! :D
Fomos no final de julho/12 para Portugal e visitamos Belém no segundo dia. Quando avistamos o famoso estabelecimento, logo paramos na porta para poder comprar o pastel de Belém. A padaria estava lo-ta-da, então resolvemos comprar uma embalagem com 4 pastéis e levar para comer no hotel. Quando abrimos a embalagem no hotel eles ainda estavam quentinhos! :) Junto com a embalagem eles colocaram sachês de canela e açúcar de confeiteiro para colocar em cima dos pastéis! Tradicionalmente come-se o pastel com açúcar e canela. Nunca comi nada igual! Massa folhada firme e creme de ovos com gostinho de baunilha, muito bom!
Para quem não sabe, os pastéis de Belém são feitos desde 1837 e a receita original é guardada a 7 chaves até os dias de hoje. Na China eles são muito populares. Quando os portugueses chegaram a Macau no século XVI levaram os pasteizinhos junto e aos poucos essa delícia se difundiu na China! São chamados de "dan ta": pastel de ovo.
Turistas atrás dos pasteizinhos! rsrs
"Turistas atrás dos pasteizinhos! rsrs"

Sem sombra de dúvidas é o melhor Pastel de Nata do mundo. O Pastel custa em média 1,10 e sempre sai quetinho e gostoso. A canela e o açúcar são oferecidos a parte de modo que o cliente consiga colocar a gosto.
O estabelecimento é bem legal e bem antigo, sempre está lotado. Recomendo ir na hora do almoço para pegar pouca fila.
Vale a pena esperar.
Foto opinião do Mateus Manhani sobre Pasteis De Belem

Quem vai a Lisboa não pode deixar de visitar a Casa Pastéis de Belém e se deliciar com essas gostosuras polvilhadas com açúcar e canela. Espaço tradicional e muito movimentado, acessível por trem a partir do metro. Depois é só caminhar e conhecer outras atrações dessa área da cidade. Como está sempre cheio, o serviço pode ser um pouco lento. Para quem estiver com pressa, sugiro pedir diretamente no balcão.
Foto opinião do Daniel Gigliotti Bauer sobre Pasteis De Belem

Eu TINHA que ir experimentar o original! Fui beber, ou melhor, comer na fonte! Você se assusta quando vê uma fila do lado de fora, mas relaxe, essa fila é de quem vai comprar pra levar pra viagem. Até que foi tranquilo conseguir uma mesa, só tenha cuidado ao ir ao banheiro e voltar, pois o lugar é um labirinto. Eu lembro vagamente de ter pedido empadas de pato com espinafre e frango, bolinhos de bacalhau e limonada, mas francamente eu não lembro do gosto pois só ficou na minha cabeça os pastéis de Belém. É a oitava maravilha do mundo! Molhinho, quentinho, creme delicioso… não sei nem como explicar. Na saída de lá quase que eu paro na fila das comprar pra viagem e compro umas centenas pra poder comer durante a viagem inteira!!!!!

Quem vai a Lisboa tem que ir na Pasteis de Belém, quase obrigatório!!!!!

O que é que vai se falar da casa que inventou o pastel de Belém??? Um doce tão gostoso que até o Habibs (?!?!) resolver fazer.... Acho que é alguma relação do tempo que a península Ibérica era ocupada pelos Mouros... vá saber.
O fato é que o doce é muito bom e, degustado na origem é ainda melhor... pode acreditar. Os demais acepipes do local também não fazem feio... desde as tostadas até um tipo de empadinha de frango, muito saborosa embora meio seca. cafés e refrigerantes fazem o complemento.
O lugar é uma casa tradicional e antiga, como convém quando se está na Europa... mas o doce dos padres deu tão certo que a casa pequena e antiga ficou só na entrada, a tradicional dos toldinhos azuis... Lá pra dentro, depois de um corredorzinho estranho, existe um salão imenso, com banheiros modernos, bastante espaço entre as mesas, ar condicionado... enfim, uma outra confeitaria!
Mas o charme mesmo está em sentar ali na frente... vale a pena esperar uma mesa, muito mais concorrida, só pra ficar vendo o entra e sai das gentes.
Aliás... bota gente nisso... o balcão tem uma fila nada indiana, que mais parece fila de autografo do Justin Bieber... mas neste caso as fãs tem 50 anos a mais... São dezenas de senhoras se acotovelando e gritando pelo seu pastelzinho. Um inferno!
Mais um motivo para pegar uma mesa... logo um simpático (ironia) garçom fará o seu pedido... do cardápio ele vai enumerar apenas uns 5 itens disponíveis (Além dos pastéis, é claro). Mas você come sossegado, sem empurra empurra e ainda aproveita para fazer uma pausa da correria do dia de visitas.
Aliás, aproveite para ir na pastelaria quando for ao Mosteiro dos Jerônimos, Padrão dos Descobrimentos, Museu dos Coches e Torre de Belém... tudo isso está muito próximo.
Estacionar ali na frente não é fácil... deixe o carro na área do 'Padrão que é onde existem mais vagas.
Foto opinião do Rubens Burgel sobre Pasteis De Belem

A passagem nos pasteis de Belém que nos atendem desde 1837, é uma obrigação em todo e qualquer turista que vá visitar Lisboa e ponto de passagem de estudantes e meros adeptos dos bons doces portugueses.
Seja para levar para casa em pacotes de meia dúzia a um preço honesto, seja para comer em uma das centenas de mesas que se encontram em vários ambientes, é uma visita inesquecível.

Exelente analogia ao padrão dos descobrimentos,pois podemos apreciar um pastelito enquanto nos extasiamos com a beleza de todos os monumentos que envolvem o local.Desde muito jovem que adoro o belo passeio no fantástico elètrico amarelo comendo um delicioso pastel e observando a correria dos turistas de monumento em monumento,fotografando o que de mais belo existe em portugal(história)que é o que temos,apenas história.E,é tão triste vermos no que este maravilhoso país se tornou.

Não tem como passar por Lisboa sem experimentar os famosos Pastéis de Belém. Localizada próxima ao Mosteiro dos Jerônimos, a tradicional loja é famosa por ser a única a produzir o doce com esse nome (o doce também pode ser encontrado em outros estabelecimentos com a alcunha de "pastel de nata"). Mas se não há como negar que os produzidos por essa fábrica são únicos, ainda mais se apreciados com uma canela por cima. Uma ótima pedida é comprar os pastéis e ir se sentar na grama no Jardim Vasco da Gama, que fica logo à frente, do outro lado da rua.
Fachada Fábrica dos Pastéis de Bélem
"Fachada Fábrica dos Pastéis de Bélem"
Primeira opinião do lugar
O melhor pastelzinho de Belém, próximo ao mosteiro dos jerônimos. Tradicional desde 1837. Muito bom. Descobrimos depois que o pastel era servido no café da manhã, no hotel em que estávamos (Eurostar)
Exibindo 14 opiniões | Total de 24 opiniões
Você conhece o Pasteis De Belem? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: