Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque
Primeira opinião do lugar

O projetista é uma loja que fica num edifício, em plena barão de itapetininga. Para se chegar até a loja, é preciso subir de elevador até o 8 andar, com direito a serviço de ascensorista. Eu mesmo não conhecia até minha mãe me mandar comprar uma régua paralela (que também não sabia para que servia) e recomendar que procurasse aqui. Depois de andar bastante (ir e voltar), achei a "entrada".
Lembro que na primeira vez que vim aqui, pensava que ia encontrar um buraco (porque minha mãe me mandou vir até aqui?). Mas não foi isso que eu achei: a loja é linda, um verdadeiro paraíso para quem gosta de desenhar e de artes. Não é grande, mas em casa cantinho você encontra uma verdadeira relíquia, principalmente aqui no Brasil: há estojos de lápis de cor com mais de 256 cores, compassos que nunca tinha visto alguém usar e tem uma precisão de milímetros, estiletes de várias marcas impecáveis, réguas para fins inimagináveis (como os belos esquadros da Tridente e uma infinidade de gabaritos, hoje em desuso) e materiais para quadros, como tintas à óleo caríssimas, cavaletes e telas de qualidade. Lembro que fiquei boquiaberto quando vi tanto produto diferente de um setor que gosto bastante.
Há uma variedade de produtos importados, como as canetas alemãs Lamy, as austríacas lapiseiras Koh-I-Noor e mesmo as da Faber Castell não podem deixar de receber elogios. Encontrei alguns estojos que não estavam a venda, apenas em exposição, verdadeiras relíquias.
Lembro que sai daqui com uma caneta preta da Staedltler (que meses mais tarde tive que retornar aqui para comprar outra) e uma vontade enorme de comprar tantas outras coisas além do pedido da minha mãe.
Apesar de ser escondida, os seus frequentadores vem em virtude da recomendação, sendo que ela já tem 20 anos (ou mais) de funcionamento. E quem vem sempre volta.
Um ótimo lugar para comprar materiais para desenho, pintura, arquitetura e engenharia.
avaliações recomendadas
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Fui à Projetista mês passado para comprar materiais para a aula de desenho técnico. Foi muito fácil achar a loja, pois fica bem perto do metrô. Vale lembrar que a loja fica no 8º andar, na sala 815.

O atendimento foi ótimo e eles tinham tudo o que eu precisava, mas eu achei que os compassos estavam muito caros, pois acabei achando em outra papelaria um da Staedler articulado por um preço melhor.

via Android

Sempre achei essa loja muito organizada em questão de atendimento. Logo que você chega eles te entregam uma senha e você aguarda sentado num sofázinho, e então quando é chamado, com lista de materiais em mãos, você começa a pedir item por item ao atendente e ele calmamente vai te entregando cada um deles, calculando pra você e tirando suas dúvidas em questão a outros matérias que tem ali na loja e acabou despertando o seu interesse, afinal, é uma loja de material de arte e sempre tem muita coisa legal <3

Eu sempre consigo comprar quase tudo que quero lá, só uma coisa ou outra que eu opto em ir em outras papelarias que frequento, pra poder pegar por um preço menor. Mas isso é questão de pesquisa, né.

Procurei uma papelaria pelo centro aqui no Kekanto e essa era a mais próxima. Como estava na rua, nem parei pra ler as opiniões, nem nada e por isso fiquei perdida quando cheguei. O número 255 da Rua Barão de Itapetininga, na verdade, é um edifício com restaurantes, lanchonetes, locadora e outros tipos de serviço.
Como estava "perdida", pedi informação pra um cara que trabalhava em uma lanchonete e ele me disse que a papelaria O Projetista ficava no 6º andar, então peguei o elevador e subi até lá.
Foi aí que eu fiquei quase que mais perdida ainda, passei reto pela porta porque não me toquei que era ali a papelaria e tive que pedir ajuda de novo.
Finalmente, ao chegar, vi que não era exatamente o tipo de papelaria que eu estava procurando. É uma papelaria especializada em produtos para arquitetos. O lugar é lindo, super limpo e bem arrumadinho.
Vários lápis de cores, régua, linhas e outras coisas...Felizmente, encontrei algumas coisas que eu estava procurando, como fita crepe e folhas A4 coloridas.

Enfim, é uma papelaria bem legal, mas perde total o ~encanto~ se você estiver apenas a procura de produtos comuns.

Conheci esta papelaria aqui no kekanto. Estava procurando uma especializada em artigos para arquitetura, procurei por aqui e achei. Pela resenha que li, tive quase certeza que era o lugar certo para mim, mas não foi. Realmente, ela fica em um prédio no centro, antigo, mas muito bem conservado. Foi fácil chegar porque fui com uma amiga que já conhecia o lugar rs.

Chegando lá, percebemos que o atendimento é diferenciado. Logo na porca cada cliente retira a sua senha e espera para ser atendido; goste deste sistema, pois evita a bagunça dentro da loja (que é pequena) e o atendente pode dar maior atenção ao consumidor.
Fui com a listinha dos materiais que precisava, mas aí veio a decepção: quase nada vendiam lá...não tinha o papel ultraphan, não tinha as minas coloridas, não tinha papel cartão...e os itens que tinham eram mais caros do que em uma papelaria comum.

A visita só valeu mesmo pelo bom atendimento e para conhecer o lugar. Antes de ir, visitei o site (a loja também faz vendas online), que é razoável, precisa melhorar!
Primeira opinião do lugar

O projetista é uma loja que fica num edifício, em plena barão de itapetininga. Para se chegar até a loja, é preciso subir de elevador até o 8 andar, com direito a serviço de ascensorista. Eu mesmo não conhecia até minha mãe me mandar comprar uma régua paralela (que também não sabia para que servia) e recomendar que procurasse aqui. Depois de andar bastante (ir e voltar), achei a "entrada".
Lembro que na primeira vez que vim aqui, pensava que ia encontrar um buraco (porque minha mãe me mandou vir até aqui?). Mas não foi isso que eu achei: a loja é linda, um verdadeiro paraíso para quem gosta de desenhar e de artes. Não é grande, mas em casa cantinho você encontra uma verdadeira relíquia, principalmente aqui no Brasil: há estojos de lápis de cor com mais de 256 cores, compassos que nunca tinha visto alguém usar e tem uma precisão de milímetros, estiletes de várias marcas impecáveis, réguas para fins inimagináveis (como os belos esquadros da Tridente e uma infinidade de gabaritos, hoje em desuso) e materiais para quadros, como tintas à óleo caríssimas, cavaletes e telas de qualidade. Lembro que fiquei boquiaberto quando vi tanto produto diferente de um setor que gosto bastante.
Há uma variedade de produtos importados, como as canetas alemãs Lamy, as austríacas lapiseiras Koh-I-Noor e mesmo as da Faber Castell não podem deixar de receber elogios. Encontrei alguns estojos que não estavam a venda, apenas em exposição, verdadeiras relíquias.
Lembro que sai daqui com uma caneta preta da Staedltler (que meses mais tarde tive que retornar aqui para comprar outra) e uma vontade enorme de comprar tantas outras coisas além do pedido da minha mãe.
Apesar de ser escondida, os seus frequentadores vem em virtude da recomendação, sendo que ela já tem 20 anos (ou mais) de funcionamento. E quem vem sempre volta.
Um ótimo lugar para comprar materiais para desenho, pintura, arquitetura e engenharia.
Foto opinião do Wiliam Kiyoshi Uemura Matsubara sobre O Projetista
Você conhece o O Projetista? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)