Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque
Casa gourmet em ambiente bastante agradável. Pratos da culinária mineira ou de outras regiões brasileiras, com roupagem nova, ou caprichados porém fiéis à tradição. Pastéis "verticais" foram lindos e gostosos; arroz de galinha com quiabo, bacon e conhaque (foto) soberbo, com quiabo na brasa quase um defumado. Papada de porco, mil folhas de mandioca e pastel de batata doce elogiadíssima. Todos pratos saem por dois dígitos, mas com somando tudo, total pode sair por mais de R$ 100.
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota
Casa gourmet em ambiente bastante agradável. Pratos da culinária mineira ou de outras regiões brasileiras, com roupagem nova, ou caprichados porém fiéis à tradição. Pastéis "verticais" foram lindos e gostosos; arroz de galinha com quiabo, bacon e conhaque (foto) soberbo, com quiabo na brasa quase um defumado. Papada de porco, mil folhas de mandioca e pastel de batata doce elogiadíssima. Todos pratos saem por dois dígitos, mas com somando tudo, total pode sair por mais de R$ 100.
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

via iPhone

Restaurante localizado na região gourmet da capital mineira. Seu chef, Leonardo Paixão, é ganhador de vários prêmios, praticando uma culinária contemporânea, mas com sem deixar de lado a tradição mineira. Tem três ambientes: mesas no passeio em frente à casa onde está localizado, um salão interno e um jardim. Seu menu não é muito extenso e se renova periodicamente. A comida é sensacional. Os petiscos são perfeitos para compartilhar, pois todos eles chegam à mesa em sete unidades. Destaco a pastilha de queijo canastra com mel. Impossível comer uma só. Quando lá estive, em uma sexta-feira para o jantar, pedimos, para quatro pessoas, três petiscos. Comemos bem, motivo pelo qual, pulamos as entradas. Pedi como principal, a papada de porco braseada e assada acompanhada por um mil folhas de mandioca. Sensacional. E concluímos a noite compartindo duas sobremesas, das quais destaco a torta de chocolate com flor de sal, pimenta do reino e calda quente de caramelo. Explosão de texturas e sabores. A flor de sal eleva o sabor da torta. Os garçons são muito bons e eficientes, tendo perfeito conhecimento dos pratos. Solicitamos explicações e fomos satisfatoriamente atendidos em relação aos ingredientes de cada prato. Não gostei do serviço de sommelier. Muito largado, falando alto, como se quisesse forçar uma amizade e ainda deixando cair vinho na tolha da mesa. É recomendável fazer reserva.
Minha experiência no Glouton foi uma das melhores em BH.
O restaurante é praticamente um canto da França aqui.
O cardápio de lá é bem enxuto e sazonal, feito para todos os gostos.
Como entrada pedi aperitivo de mandioca brava mil folhas, Polvo com a farofa que só Deus sabe o quanto amei, e principal uma carne cozida por 48horas com purê de canjica.
Além da experiencia ter sido excelente, o preço é ainda melhor!
Primeira opinião do lugar
Este restaurante foi inaugurado este ano no local onde funcionava o Café Santa Sophia, esta localizado na rua Barbara Heliodora (centro gastronômico do bairro de Lourdes.
É ótimo para ir a dois, com familia e amigos, a reforma feita na casa foi muito bacana. Foi colocada uma grande janela de vidro onde pode acompanhar os chef's preparando os pratos. o proprietário trabalhava no restaurante Taste-Vin também no bairro de Lourdes. Você também pode levar seu vinho.
Exibindo 7 opiniões | Total de 7 opiniões
1 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Glouton? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: