Oferta

Quer receber ofertas do(a) Gelateria Max - Lagoa da Conceição?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores.

Baixe grátis nosso aplicativo e confira as ofertas:

Escolha seu celular:      
Divulgue seu estabelecimento aqui
Saiba como
Dicas rápidas Ver todas as dicas
avaliações recomendadas
Nosso sistema de inteligência artificial recomenda automaticamente as opiniões com maior probabilidade de serem relevantes a você. Ele leva em conta diversos fatores como, por exemplo, a qualidade de texto e fotos, e o histórico de publicações do autor. Apenas as avaliações recomendadas são levadas em conta na avaliação geral do estabelecimento.
   
Selecione uma nota

O sorvete da Max é muito bom, tem ótimos sabores como o de gengibre e cacau, mas o atendimento é sofrível, mal educado e rude. Venho direto por causa do sorvete, mas sempre sou mal atendido por funcionários sem vontade nenhuma de agradar. O ambiente é super agradável, a varanda é uma delícia e o lugar é bem frequentado. Mas precisam melhorar o atendimento urgente.
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Localizado na região da Lagoa da Conceição em Florianópolis, tive a oportunidade de conhecer ao acaso e adorar esta incrível gelateria!

A avenida é conhecida por ter vários barzinhos à noite. Quem quiser tomar um sorvetinho antes de "cair nas graças da noite", pode aproveitar os sabores deliciosos do lugar.

Vários sabores (frutas cítricas com chocolate, sabores de frutas, nata com chocolate, tiramissu, pistache com creme, são apenas alguns dos sabores diferentes encontrados lá).

As atendentes são atenciosas e permitem que você experimente os sabores antes de escolher o(s) seu(s).

É possível degustar o gelato dentro do ambiente com mesinhas e cadeiras, ou bancos estofados e macios, banquetas com visão para a rua, ou então, sentar-se nas mesas disponibilizadas ao ar livre, com direito àquelas cadeiras de balanço, onde sentam duas pessoas (clássico de filmes americanos rs).

Quanto aos preços, acredito que estavam assim:

Um Casquinha com uma bola: R$5,00. Duas bolas: R$8,00 e Três bolas: R$11,00. Potinhos tinham tamanhos P (R$???), M (R$12,00) e G (R$15,00) - que dá direito a 4 .

Uma coisa que achei muito interessante foi a presteza do atendente ao perceber que deixamos, por descuido, cair uma casquinha de sorvete ao chão. Mal deu tempo de chamar alguém para limpar e já veio uma pessoa super prestativa e educada para limpar o chão. (melhor que isso só ganhando o sorvete novamente rs...).

Um lugar que realmente vale a pena dar uma passada para conhecer!

O dia se adiantou com a promessa de muito calor. Decidi convida-la para tomar sorvete. Distraidamente, ela afastou uma mecha de cabelo da testa e sua resposta, um “sim”, que se arrastou por sua garganta até sair me fizeram entender que deveria agir. Repeti: - Vamos tomar um sorvete? E acrescentei: - na Gelateria do Max?”
Assim que “re-ouviu” o convite, seus olhos pareceram retornar a vida e como se estivesse despertando de uma longa hibernação, pulou do sofa e em um segundo estava com a chave do carro na mão e no outro estavamos estacionando em frente a sorveteria com mesinhas no deck. Atravessamos o trânsito até a Lagoa e assim que entramos no ambiente, amplo, simples, branco e imaculado como o uniforme da menina de sorriso facil que atendia no balcão, notei que o local estava repleto de pessoas de todas as idades.Rapidamente, com indisfarçavel ansiedade, fixei os olhos nas opções de potinhos. PP (R$5), P (R$7), M (R$9), G (R$11) ou GG (R$15). Lentamente, mais uma vez, observei ao redor. O local estava docemente cheio e sem dificuldades constatei o porque. O horário. Eram 17h e a placa na parede ao fundo, tendo como contraste uma deslocada maquina de café expresso informava: - Horário: 12h30/20h (sáb. e dom. até 23h) - Cartões: Crédito ou Débito. Minha namorada perguntou: - Qual sabor você vai pedir?. Recorrendo ao meu sotaque italo-florianapolitano, respondi: - RAFFAELLO, de chocolate branco, avelã e coco e, astutamente, sugeri: - Experimente os sorbets. São elaborados à base de água e frutas, a exemplo dos de melão, morango, kiwi ou maçã verde. Notei a indecisão em seus olhos. Continuei: - Com leite integral fresco e nata, o de pistache de Bronte, está entre os melhores sabores. Ao lado é o de baunilha, feito com favas importadas de Madagascar e o outro ao final é de nata mesclado com chocolate ao leite e pasta de avelã. A menina, talvez preocupada com a fila que começava a se formar, olhava para mim, na expectativa de uma decisão. Fechei os olhos e pensei: “O que posso fazer?” mas, falei: - Então...Ela examinou, teatralmente, os potes de sorvetes, passou a mão no queixo, imersa em pensamentos e de repente, movendo-se com assombrosa velocidade, voltou-se para mim e disse: - Um minuto. No instante seguinte, com um brilho nos olhos, falou como se estivesse me passando uma informação codificada: - GG, Madagascar, metade, Bronte, metade. Deck. “Finalmente!”; pensei, tomando o cuidado de não deixar o pensamento ser visto em minha face ou ser ouvido em meus lábios. Repliquei:- Ok!
Fiz os pedidos e no piscar de olhos seguinte, (atendimento rápido e eficiente) estava sentado ao seu lado, saboreando o sorvete artesanal.
Ficamos quietos por um tempo. Sem erguer os olhos, ela quebrou o silêncio. As palavras sairam num tom baixo, mas firme. – Sorvetes irresistíveis: - Quero levar outro para casa. Com a mão no coração confirmei: - OK!
Observei a aproximação de um homem. Senti um frio no coração e uma comichão na parte auditiva, mas fingi estar tranquilo e me mantive imóvel. Comecei a pensar em perguntar algo, mas ele ceifou minha pergunta: - Ola, meu nome é Marcos Henrique. Fui buscar na Itália a fórmula para esses sorvetes.De lá, também trouxe o maquinário e um mestre sorveteiro, que me ensinou os segredos da produção de um cremoso gelato. Aqui na Lagoa, também funciona como café. Servimos o tradicional expresso (R$ 3,00) ou o afogatto, que traz uma bola de sorvete mergulhada na bebida.(R$5,00)
Era o proprietário da sorveteria, fazendo as honras da casa e me fazendo entender o sentido da máquina de café. Agradeci e enquanto ele se afastava, senti a respiração sumir e pensei: - Sei que estou sem cash, mas tenho que me acalmar. Sentindo o coração bater tão forte que parecia querer escapar da gaiola das costelas consegui, ao mesmo tempo que levava a mão direita ao bolso e sentia um estranho volume, ver os números com clareza. Consumo: R$24,00.
Então, como se o destino tivesse decidido por um fim na cena que se desenrolava, percebi que o objeto que eu tocara em meu bolso era o cartão de crédito e meus pensamentos flutuaram para algo que na entrada, eu havia lido: Cartões de Crédito...
Ao entrar no carro, imaginei estar em casa, diminuindo as luzes, colocando uma música romântica, sentado com ela perto da janela, apreciando as luzes da noite e saboreando o Sorbet que delicadamente carregava. Ela deixou o local com a vistosa e colorida placa de “PROIBIDO ESTACIONAR” e minutos depois parava diante do prédio onde morávamos.
Foto opinião do Luis carlos binotto leal sobre Gelateria Max - Lagoa da Conceição
Os sorvetes da Gelateria são diferentes de tudo o que você já provou. Os sabores são extremamente elaborados, com ingredientes diferenciados e tem opções para todos os gostos. Desde sorvetes de frutas, com o verdadeiro gosto da fruta, aos que imitam os bombons famosos,muito saboroso super recomendado, sabor diferenciado.
Foto opinião do M.Cris sobre Gelateria Max - Lagoa da Conceição

Os sabores dos sorvetes na Gelateria Max são extremamente elaborados, com ingredientes diferenciados e tem opções para todos os gostos. Desde sorvetes de frutas, com o verdadeiro gosto da fruta, aos que imitam os bombons famosos. O melhor é que sempre tem uma novidade no cardápio.

Nesta última visita a Floripa, a Laura queria que eu passasse na Lagoa simplesmente todos os dias. Também por causa das belezas naturais de um dos principais destinos na ilha, mas o principal motivo era ir na Gelateria Max.

Esta sorveteria que ja é uma rede com 5 lojas entre Florianópolis e Maringá no Paraná, produz autêntico sorvete italiano, com técnica, equipamentos e insumos vindos da terra da bota.

Sorvete artesanal e de muita qualidade. Os preços são acessíveis e muita gente compra por kilo para viagem.

A cremosidade e sabor deste sorvete são impressionantes. Não é a toa que a Laura queria ir na Lagoa todos os dias. Os sabores podem ser vistos no site da casa. e são bem interessantes.

Até o porta paleta era super divertido e higiênico. "Per la tua igiene prendi da solo la paletta".

Não é a toa que a sorveteria foi eleita na categoria melhor sorvete da Veja Santa Catarina de 2012, super merecido.

Fomos na unidade da Lagoa da Conceição que fica bem no início do centrinho da Lagoa, possui algumas mesas dentro da loja e um deck para as noites mais quentes.

Lugar super recomendado para quem for em Floripa, só não esqueça de jogar o lixo no boneco de neve.
Foto opinião do André Leiras Prujansky sobre Gelateria Max - Lagoa da Conceição
Exibindo 14 opiniões | Total de 62 opiniões
1 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Gelateria Max - Lagoa da Conceição? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: