Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Quem costuma frequentar a Avenida Paulista, próximo à Rua Augusta, está se acostumando com o número crescente de hippies vendendo colares, brincos e artesanatos típicos.

Aqui na feira Hippie de Caraguatatuba a coisa é bem semelhante. Um bom número de barracas são destinadas a vender produtos assim. Só que em número maior. O pessoal costuma ser simpático e prestativo. Se disponibilizam a ajustar ou criar um colar que lhe agrade ali na hora mesmo.

Muito bacana.
avaliações recomendadas
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Quem costuma frequentar a Avenida Paulista, próximo à Rua Augusta, está se acostumando com o número crescente de hippies vendendo colares, brincos e artesanatos típicos.

Aqui na feira Hippie de Caraguatatuba a coisa é bem semelhante. Um bom número de barracas são destinadas a vender produtos assim. Só que em número maior. O pessoal costuma ser simpático e prestativo. Se disponibilizam a ajustar ou criar um colar que lhe agrade ali na hora mesmo.

Muito bacana.
Feira Hippie imperdível para quem está passando o final de semana no litoral de Caraguatatuba!!!!!

Ideal para comprar lembrancinhas com um preço bem bacana, ou então uma biju feita pelos hippies. Dá para fazer uma tattoo de henna ou tererê rapidinho.

Eles também vendem bolsas, artesanatos em geral, e objetos de decoração lindíssimos.
Foto opinião do Bruna sobre Feira Hippie
Primeira opinião do lugar

Uma das opções de entretenimento na cidade aos fins de semana é esta feirinha super simpática que existe desde que eu me entendo por gente, eu acho. Inicialmente, só os hippies comercializavam seus artesanatos por lá, mas hoje ela cresceu e tem muito mais artigos!

Dentre as barraquinhas, gosto de destacar:
- os hippies, que continuam por lá, vendendo brincos, anéis, fazendo dreads, tatoos de henna e teterês nos clientes;
- outros comerciantes que também vendem brincos e acessórios, mas de bijouteria e não artesanais, como os dos hippies;
- o Jean, rapaz muito talentoso que pinta imagens de paisagem em azulejos COM OS DEDOS! Sim, dedos! Ele utiliza tinta óleo e faz a arte na hora se o cliente desejar;
- as barraquinhas de pipocas (adoro);
- os vendedores de algodão doce (amo);
- os demais artesãos que vendem lembrancinhas, enfeites para casa, brinquedos, panos de prato, bolsas, etc.

Ir a Caraguá e não visitar esta feirinha é um pecado imperdoável!
Você conhece o Feira Hippie? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)