Ponto de Prosa Espetinho

nota 4.1 de 5 em 16 opiniões
| Rank: 95º de 708 | Bares e Botecos


Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Estabelecimento bem situado na região do Padre Eustáquio. A estrutura da casa é pequena e não tem opções de mesas na parte interna, se chover não tem para onde correr.

Cerveja long neck e espetinho variados com a atenção especial ao espeto principal da casa: frango com queijo e ajeitado na farinha! MUUIIITO bom! Um dos melhores espetos de frango que já provei.

Fichas a 4,50.
avaliações recomendadas
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Excelente lugar para comer um bom espetinho, tomar uma cervejinha e bater papo com amigos, inclusive hoje estarei lá com alguns amigos.
os espetinhos custam 4,50 cada, na verdade é quase tudo a 4,50 com exceção da água mineral que custa 2,50, tem espetinhos de cafta, boi, porco, frango, muçarela e coração salvo engano eu recomendo galeraaa!!!

Lugar bom para tomar uma Long Neck bem gelada e comer um espetinho delicioso.
banheiros limpos, preços acessíveis, tudo a 4,50 cerveja e espetinho.
sugiro os espetinhos de mussarela, kafka e de boi.

Localizado no bairro Padre Eustáquio, na famosa praçinha da Pizzaria Nino, bom para tomar aquela gelada e saborear um excelente espetinho, bater aquela prosa com amigos, paquerar e curtir as noites de sextas e sábados....mesas na área externa, no passeio e há um espaço interno também....

Estabelecimento bem situado na região do Padre Eustáquio. A estrutura da casa é pequena e não tem opções de mesas na parte interna, se chover não tem para onde correr.

Cerveja long neck e espetinho variados com a atenção especial ao espeto principal da casa: frango com queijo e ajeitado na farinha! MUUIIITO bom! Um dos melhores espetos de frango que já provei.

Fichas a 4,50.

Que o formato dos bares apelidados de espetinhos foi trazido a Belo Horizonte pelo Luizinho, dos Churrasquinhos homônimos no Prado, não é novidade pra nenhum botequeiro. Todavia essa fórmula prática, que atrai sobretudo as turmas em suas happy hours, vem se proliferando nos últimos dois ou três anos. Tanto que, no momento em que esboçava a presente resenha, tive notícia de mais um espetinho aberto na cidade, este na Avenida Petrolina, bairro Sagrada Família.

Falando das minhas recentes visitas ao Ponto de Prosa, logo ao conhecê-lo uma ótima primeira impressão, tanto pelo bar se localizar em uma praça, quanto pelas mesas e banquetas disponibilizadas na calçada.

O ponto é residencial, mas não deixa de ter a sua vocação noturna, o que se deve exclusivamente às três décadas de tradição da vizinha Pizzaria do Nino. Talvez seja essa proximidade que explique o perfil do público, que diferentemente do observado nos demais espetinhos, é predominantemente familiar.

Para beber há cervejas long neck, tais como Brahma, Budweiser e Stela Artois, todas a R$ 4,00, e nem sempre geladas como poderiam. As mesmas são buscadas diretamente no balcão, ou solicitadas a qualquer dos atendentes.

Dentre os petiscos, nenhuma criação que confira identidade ao Ponto de Prosa, mas sim os convencionais espetinhos de boi ou porco (ambos com o corte não identificado), além de muçarela, kafta, costelinha, medalhão de frango e pão de alho. Há ainda, como em quase todos do segmento, o frango com queijo copiado do Luizinho. Experimentei quase todos, e à churrasqueira do bar atribuo o conceito regular.

O atendimento, por mais que seja simpático, é amador, sem qualquer autonomia. Em um dado momento notei um inseto dentro da minha garrafa de cerveja, a qual tinha acabado de ser aberta. Expliquei a situação à garçonete, mas ela não trocou a cerveja, não chamou o Gerente, e não teve qualquer outra iniciativa. Como não iria bebê-la, tive de amargar o prejuízo e a chateação.

No final das contas, entendo que o aspecto merecedor de destaque no Ponto de Prosa seja o seu ambiente. Alia-se a isso o recebimento de cartões, características essas duas que, por si só, não são capazes de elevar o Espetinho à primeira prateleira.

via iPhone

Cheguei sem muita animação, pois estava sem vontade de beber. A idéia era comer um espetinho e ir embora, porém a animação do lugar foi tomando conta o calor aumentando e foi impossível não pedir uma cervejinha. Ela veio bem gelada e o atendiento foi muito eficiente tanto para a cerveja quanto para os espetinhos. Só não vou dar 5 estrelas porque uma das varias cervejas que tomei o garçon quebrou a beradinha da garrafa e eu não vi e nem ele. Consequencia dessa falta de cuidado e atenção tive um micro corte na boca, mas nada que estragasse a nossa noite. Voltarei com certeza.
Foto opinião do Daniel Loregian Sardinha sobre Ponto de Prosa Espetinho
Exibindo 14 opiniões | Total de 16 opiniões
Você conhece o Ponto de Prosa Espetinho? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)