Citibank Hall (antigo Credicard Hall)

nota 3.7 de 5 em 17 opiniões
| Rank: 19º de 31 | Casa de Shows


Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Estive no Citibank Hall apenas uma vez na vida, para assistir ao show da minha banda favorita, amada e idolatradaaaaaa; os britânicos do Placebo.

Começo dizendo que é longe! Muito longe. E não tem estação de metrô perto da casa de shows, a mais próxima é a Estação Santo Amaro, se não me engano. Depois disso você tem que ir até o local de táxi ou de ônibus. Se programe e fique atento aos horários na hora de voltar, para não passar sufoco que nem eu passei. Pois quando fui, o show acabou 00h e pouco, eu não tinha mais bateria no meu celular e o lugar estava simplesmente um deserto. Acabei ficando no meio da rua... até o metrô abrir de novo, haha.

Não achei a casa muito boa. Mesmo estando com menos da metade da capacidade total, os seguranças mal conseguiam controlar a galera do lado de fora, quem dera do lado de dentro. Muito tumulto, confusão, pessoas fumando lá dentro... estava o caos!!! O ar condicionado mal dava conta, e olha que estava muito frio naquele dia. Água?? Só em sonho... R$6,00 o copo de água (SIM, OOOOO COPO). Foi bem complicado...

Pelo menos o som estava bom e o palco era bem baixinho, então dava pra ter uma boa visão e ficar bem pertinho da banda.
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota

Conheci o Citibank Hall através de um show do Roupa Nova.
Fica um pouco longe de transporte público, você desve descer na estação Santo Amaro (CPTM), e de lá pegar um ônibus que passa em frente ao local.
Chegamos uma hora antes do show, e não tivemos problemas por lá. O local é bem organizado, e as cadeiras são confortáveis. Os seguranças sempre te orientam bem em relação aos lugares.
Achei a acústica boa, o show foi massa. Quero voltar para ir em outros shows.
Foto opinião do Verônica Leme sobre Citibank Hall (antigo Credicard Hall)
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

Fui neste domingo levar minha filha no Violetta Show. Local tem boa estrutura, porém não há muitas pessoas para te auxiliarem a encontrar o teu lugar. Vi várias pessoas perdidas procurando seu assento. Para chegar foi bom, fomos do Aeroporto de Congonhas de táxi. Sem problemas.

A confusão foi no término do show. A saída da plateia superior foi difícil, os banheiros ficavam próximas as saídas e havia um contra-fluxo de pessoas muito grande. Nenhum funcionário presente para auxiliar as pessoas.

Lá fora, mais confusão, táxi nem pensar. Não tinha. Um evento destes deveria ter um ponto ou local próprio para os táxis. As pessoas ficavam no meio da avenida "mendigando um táxi". Neste dia haviam muitas crianças, faltou um pouco de organização.

O resto foi bom, Segurança ok.

via Android

Fui conhecer o Citibank Hall devido a um show do Sublime with Rome. A casa fica na beira da marginal Pinheiros e tem a estação Sto Amaro como a mais próxima (uns 15 mins a pé, desaconselhável se a noite).
De fora parece um espaço enorme, mas por dentro achei não muito grande. A entrada é bonita, com um letreiro bem iluminado e uma fonte, que o pessoal acaba usanfo de apoio para sentar e esperar os amigos chegaren. Ponto positivo foi a presença de dois foodtrucks, um de temaki e o outro de burger com preços ok (R$15 cada).
Dentro, há vários bares e a visão é boa independente de onde você está. Os telões na lateral ajudam bastante a completar a experiencia.
Resumindo, boa casa de shows para shows de medio porte.

Já fui algumas vezes no Citibank Hall (antigo Credicard Hall) e, no geral, gosto bastante de lá e acho uma boa casa de shows. A estrutura da casa é ótima e a pista é ampla, mas mesmo estando no local mais afastado do palco, da pra ver tudo direitinho. Em relação a shows, recomendo a pista mesmo ou as cadeiras baixas para quem prefere ficar sentado. A visão da arquibancada não é boa porque é bem longe. Já fui também ver um musical lá e eles distribuem cadeiras na pista - achei que ficou ok!
O atendimento infelizmente não é dos melhores. Eles contam com MasterCard ShowPass para teoricamente agilizar a entrada, mas já aconteceu de dar problema no sistema e a fila ficar enorme. Geralmente pra entrar é um pouco cheio e há filas, mas para sair é tranquilo.
Como ponto negativo, acho abusivo o preço do estacionamento (R$40 ou R$50) e os preços do bar também são bem elevados.

Fui no show do Capital Cities e quero deixar minha opinião sobre o camarote vale muito a pena bem arejado possuí sofás para sentar ,TV com show ao vivo local com geladeira taças banheiro privativo isso lado de dentro e fora cadeiras confortáveis para sentar acaba vendo show de frente está no local mais alto mas é bem tranquilo se sente como um presidente podendo dançar a vontade.E sempre aparece só chamando com interfone uma atendente que vem servir o que pedir vários tipos de comes e bebes.

Antigo Credicard Hall, o Citibank Hall é a maior casa de shows de SP. Grandes atrações nacionais e internacionais costumam se apresentar lá quase que diariamente.
Só que é um lugar com vários aspectos negativos em minha opinião: quem quiser ver BEM o show, deve ficar na área PREMIUM e chegar bem cedo; shows com pista são horríveis para quem fica do meio do palco para trás, pois devido a pista ser totalmente plana, só quem está na frente consegue enxergar alguma coisa; telão ultrapassado, ficam nas laterais do palco e muito altos e pequenos - poderiam ser trocados por telões modernos de LED e bem maiores; som não é nítido para todos os setores devido a casa ser muito grande; estacionamento muito pequeno e absurdamente caro (inclusive os localizados nas proximidades da casa); sistema de venda de ingressos pela tickets for fun muito ruim - tudo é cobrado abusivamente, inclusive até mesmo quando o ingresso comprado é simplesmente enviado por e-mail; shows com mesas tem serviços de garçom, mas demoram muito para te atender.

Estive no Citibank Hall apenas uma vez na vida, para assistir ao show da minha banda favorita, amada e idolatradaaaaaa; os britânicos do Placebo.

Começo dizendo que é longe! Muito longe. E não tem estação de metrô perto da casa de shows, a mais próxima é a Estação Santo Amaro, se não me engano. Depois disso você tem que ir até o local de táxi ou de ônibus. Se programe e fique atento aos horários na hora de voltar, para não passar sufoco que nem eu passei. Pois quando fui, o show acabou 00h e pouco, eu não tinha mais bateria no meu celular e o lugar estava simplesmente um deserto. Acabei ficando no meio da rua... até o metrô abrir de novo, haha.

Não achei a casa muito boa. Mesmo estando com menos da metade da capacidade total, os seguranças mal conseguiam controlar a galera do lado de fora, quem dera do lado de dentro. Muito tumulto, confusão, pessoas fumando lá dentro... estava o caos!!! O ar condicionado mal dava conta, e olha que estava muito frio naquele dia. Água?? Só em sonho... R$6,00 o copo de água (SIM, OOOOO COPO). Foi bem complicado...

Pelo menos o som estava bom e o palco era bem baixinho, então dava pra ter uma boa visão e ficar bem pertinho da banda.

Melhor lugar para ver shows. Nunca lota a ponto de ficar sufocado... Tem uma área "externa" perante o palco, que é onde ficam os banheiros, que permite você respirar um pouco e sair do fuzuê da galera. A acústica é boa, os lugares para sentar são confortáveis e espaçados, e os banheiros bem amplos e limpos. O que peca é a lanchonete, caro pra dedéu.... e lugar para estacionar, quase sempre muito caro. Caso pare no estacionamento e pague todo seu salário, saia antes do show terminar, porque sai um carro por vez e você terá que esperar um bom tempo para sair.

Uma das melhores casas de show de Sampa!
A ultima vez que fui, foi quando a banda Blind Guardian veio para o Brasil.

Apesar de ter ficado em um lugar não muito perto do palco, consegui ver tudo! Pelo simples fato que a casa é "rebaixada", ou seja, ela é inteira em degraus. Assim a pessoa que está na sua frente não fica tapando a sua vista (A não ser se a pessoa for bem alta e você bem baixo, cabelos estapafúrdios, etc).

Fica mais fácil ainda quando se compra com estacionamento. Só não sei como serão os benefícios pelo fato da venda do mesmo para o Itaú Unibanco.
Mas se tiver a oportunidade, vá sem medo!

Mesmo com a mudança de nome, a qualidade e organização do local continua a mesma. Local bem sinalizado e com várias pessoas para dar orientações e organizar a entrada e saída após os shows.

Após o termino do show, em 5 minutos já estava dentro do estacionamento. O único problema é para sair do estacionamento. Sempre demora um pouco, muita gente querendo sair ao mesmo tempo e os responsáveis pelos estacionamento somem nesta hora.
Foto opinião do Clóvis Santos sobre Citibank Hall (antigo Credicard Hall)

Para mim o maior problema no Citibank Hall é o desrespeito com o público. A começar pelos preços exorbitantes dos shows e na maneira como acontece a venda dos ingressos na bilheteria. A fila fica no lado de fora, exposta ao Sol ou chuva, com atendentes que não tem muita paciência para mostrar os melhores lugares. A venda online, geralmente pela Tickets For Fun, também é estranha, sem localização exata das poltronas.
Exibindo 14 opiniões | Total de 16 opiniões
1 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Citibank Hall (antigo Credicard Hall)? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: