Oferta

Quer receber ofertas do(a) Centro Cultural Palácio Rio Negro?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores.

Baixe grátis nosso aplicativo e confira as ofertas:

Escolha seu celular:      
Divulgue seu estabelecimento aqui
Saiba como
Dicas rápidas Ver todas as dicas
avaliações recomendadas
Nosso sistema de inteligência artificial recomenda automaticamente as opiniões com maior probabilidade de serem relevantes a você. Ele leva em conta diversos fatores como, por exemplo, a qualidade de texto e fotos, e o histórico de publicações do autor. Apenas as avaliações recomendadas são levadas em conta na avaliação geral do estabelecimento.
   
Selecione uma nota

O local é um espaço cultural e histórico da cidade, foi construído para ser a casa do alemão Waldemar Scholz, foi comprado pelo governo para ser a residência do governador da época. Atualmente é um museu onde pode-se encontrar mobiliário como a mesa de jacarandá escura, estilo inglês, estatueta de bronze, de Benei dentre outros. No local funciona a Vila Ninita que possui acervo histórico cultural de Manaus e onde funciona o cine cultural Guarany. Não possui estacionamento. O local funciona de Terça a Sexta, 10h às 17h; Sábado e Domingo, 14h às 18h.
Foto opinião do ERICA OLIVEIRA DE SOUZA sobre Centro Cultural Palácio Rio Negro
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.
Primeira opinião do lugar

O prédio do Centro Cultural Palácio Rio Negro (CCPRN) foi construído no início do século XX para ser a residência de um importante comerciante de borracha. Com o declínio do comércio da matéria-prima, esse negociante viu-se em apuros financeiros e resolveu alugar o imóvel para aumentar sua renda. O locatário foi o governo do Amazonas, que posteriormente o comprou. A construção foi sede do governo e residência do governador até 1959 e, de 1959 até 1995, apenas sede.

Em 1997, o Palácio Rio Negro foi transformado em centro cultural. Ele abriga exposições, shows, palestras, reuniões, visitas oficiais, lançamentos literários etc.

Uma construção linda, que retrata a ''belle epoque'' de Manaus.

Pontos Positivos
Vale a pena conhecer um pouco da historia da cidade
Entrada Gratuita
Facil acesso e Localização

Pontos Negativos
Como a maioria dos pontos turisticos de Manaus acredito, que falta divulgação.

Prédio Histórico , um dos principais representantes da cultura local e do desenvolvimento da capital amazonense Manaus.
Visite, vale a pena : Segunda a Sexta - 10:00 as 16:30 h
Entrada Franca
Visitas guias
Exibindo 8 opiniões | Total de 8 opiniões
1 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Centro Cultural Palácio Rio Negro? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)