Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Na realidade fico a pensar o porque do nome café viena, se mesmo no folder ou banner a imagem do desenho da taça de chopp é bem ilustrativo! Mais vamos lá, o local é bem bacana, uma carta de cervejas nacionais e importadas, talvez o maior que eu já vi, os garçons entendidos sobre as mesmas, o ambiente é bem legal e limpo. No andar a cima, um ambiente bem arejado e fresco, ideal para aquele encontro e bate papo, o lugar é bem reservado. Vale a pena conferir!
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota

Na realidade fico a pensar o porque do nome café viena, se mesmo no folder ou banner a imagem do desenho da taça de chopp é bem ilustrativo! Mais vamos lá, o local é bem bacana, uma carta de cervejas nacionais e importadas, talvez o maior que eu já vi, os garçons entendidos sobre as mesmas, o ambiente é bem legal e limpo. No andar a cima, um ambiente bem arejado e fresco, ideal para aquele encontro e bate papo, o lugar é bem reservado. Vale a pena conferir!
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

via Android

Bom, voltando a kekantar, estou matando a saudade do Café Viena, localizado no Santa Efigenia, na avenida do Contorno.

Esse lugar é incrivel, consegue ficar melhor a cada vez que venho aqui.

Na hora do almoço, se tiver procurando um bom restaurante, é aqui mesmo.

Não se esqueça de provar a cerveja da casa, uma das melhores!

Além da badalada carta de cervejas (a maior da cidade), a comida é excelente. Os pratos são o que se espera de uma casa alemã/austríaca - muita salsicha e afins, só que todos que experiementei muito saborosos. O ambiente e decoração não comprometem, mas também não são a atração. É lugar para comer, beber e conversar.

O Café Viena, localizado na Avenida Contorno 3968, Funcionários, esquina com rua Manaus, ostenta uma pequena placa na fachada dizendo que ali funciona uma cafeteria. Mas se você apanhar um folder sobre o balcão verá que, na verdade, trata-se de um restaurante e choperia. Mas se observar o que está impresso no prato verá que o dono já pensou que era uma uma doceteria e cafeteria. No site encontra-se a palavra bar e chopperia, mas por mais que procurasse não encontrei a palavra boteco ou qualquer uma das suas variações como buteco ou butiquim em nenhum lugar.
Alguns podem pensar tratar-se de uma crise de identidade para um estabelecimento que tem apenas dez anos de idade. Prá mim, o que acontece que lá é tudo e o nome deste  local deveria ser:
Restaurante Cervejaria Chopperia Bar Cafeteria Doceteria Bar e Boteco Viena.
Não sei se a ordem certa seria a escrita acima; talvez devesse começar com cervejaria pois ostenta o título de oferecer a maior carta de cerveja da América Latina com 355 tipos de cerveja e o número de pratos é por volta de cento e oitenta. As cervejas estão separadas po países (dezenove) e tem cerveja até do Japão. Os vinhos estão numa cristaleira separados por países e dispõem de apenas oito marcas de cachaça, motivo pelo qual, deixei a palavra boteco para o final.
Os sorvetes austríacos (14 sabores), as tortas de nozes e alemã, o sempre presente apfelstudel, as trufas variadas lhe esperam após o almoço com os quinze tipos de café.
Fica instalado num prédio onde funcionou uma mercearia com casa no segundo andar e é neste segundo que funciona o restaurante com lugares para mais de 100 pessoas. No segundo andar encontra-se um pequena varanda, voltada para a rua Manaus, à sombra de uma árvore, que vai me aguardar para um Hh de final de tarde na companhia de alguém.
Definitivamente este não é um local para ir sozinho como fui hoje. Procurei o Gêra, que mora na redondeza e me indicou o lugar, mas estava trabalhando e não quis insistir muito para que adiasse a ida.
Quando manifestei meu interesse pelas escuras, o muito atencioso Tião, o garçom, me sugeriu uma alemã, Kostrizer escura (com trema no “o”, mas não acho o trema neste teclado português), divina, que foram os quinze reais mais bem gastos na minha vida, fabricada Bad Kostritz/Thurigen; as duas palavras têm trema, mas o problema continua. Uma salsicha de vitelo com batatas ajudaram a degustação.
A decoração, tanto no primeiro como no segundo é no melhor estilo austríaco e me encantei com as tubas colocadas próximo à escada. Não faltam fotos da Europa, cartazes de cervejas famosas, estátua de uma austríaca na porta de entrada, etc.
Os donos tiveram muita sorte quando deixaram deixaram a casa com algumas características da construção original, o que nos faz sentir que estamos em um lugar que existe há mais de cinquenta anos.
Pronto. Achei um lugar para comemorar aniversário, para comemorar bodas, para matar o Pedrinho de tanto tomar cerveja quando ele vier a BH, para indicar para todo mundo.
E continuo, até agora, impressionado como ninguém tinha falado deste lugar pra mim e como não tinha nem observado este lugar que fica exposto com suas mesas na calçada até fazer a curva na rua Manaus.
Chega! Quem quiser saber mais, vai lá.
Foto opinião do Augusto Rodrigues Borges sobre Café Viena

Tínhamos ouvido falar desse bar (ou café, como eles se auto denominam) há um bom tempo: "A maior carta de cerveja da América Latina". Como adoramos experimentar cervejas diferentes, ficávamos curiosos para conhecer o Café Viena Beer, mas nunca tinha surgido uma oportunidade. Há algumas semanas resolvemos ir lá experimentar. O bar é todo decorado no melhor estilo austríaco, com vários motivos das cores da bandeira do país, porém, a maioria das pessoas que vai lá à noite fica nas mesas distribuídas pela calçada.
A carta de cervejas é realmente MUITO grande! Ela chega a ter cerca de meio metro de comprimento por uns 30cm de largura, só com as marcas de cervejas do mundo inteiro comercializadas pelo estabelecimento e categorizadas pelo país de origem. Curiosidade: ao contrário do que imáginávamos, a belga DeuS não é a mais cara (mas quase)! Demoramos uns bons minutos apenas para escolhermos o que iríamos beber e acabamos pegando três, não ao mesmo tempo (antes que nos classifiquem de alcoólotras)! A única que me lembro o nome é a Viena, óbvio, produzida pelo próprio bar.
Antes que o álcool nos controlasse, resolvemos comer. Só então nossa ficha caiu: um lugar com tantos motivos austríacos, comida vegetariana provavelmente não deve ter! Tivemos que futricar o cardápio, por entre salsichas, salsichões e chucrutes para certificarmos que não, nossa morte por fome não seria naquela noite. Comemos o bom e velho pão de alho! Graças a DeuSs!
Situado na Av do Contorno, pouco abaixo do Martplus e da Academia Corpore, o Cafe Viena é um Restaurante Alemão que possui uma das maiores (se não a maior) carta de cervejas da America Latina.

O restaurante fica aberto para o almoço e passa o resto do dia tentando as pessoas a tomar uma cervejinha.
A ambientação é toda baseada na cultura alemã mas, infelizmente, isso pode ser percebido com clareza apenas no segundo andar do restaurante, que é onde fica o buffet do almoço.
No primeiro andar não existe espaço interno e as mesas ficam no passeio, então perde-se o clima alemão do lugar. Salvo em datas comemorativas como, por exemplo, o Natal. Nestas épocas eles fantasiam um Papai Noel dançante com roupas alemãs e ele fica exposto no local.

O segundo andar é bem amplo e arejado, as mesas são quase todas próximas ou na frente das janelas e este andar também conta com uma varandinha escondida que fica bem no fundo restaurante. A vista da varanda não é exatamente um ponto turístico (fica virado para a Rua Manaus), mas é bem reservado.

Os banheiros principais ficam no segundo andar e estão sempre limpos. Existem dois banheiros no primeiro andar que são limpos, mas não tanto quanto os do segundo andar. (Desconfio que eu estava usando o banheiro dos funcionários, pois ele fica escondido atrás de um freezer de cerveja).

Os garçons estão sempre de bom humor, alguns até te contam causos que aconteceram por la e outros são mais no estilo standup comedy. Geralmente o atendimento de lá é muito bom. Raras foram as vezes que eu tomei uma cerveja no Viena e não fui bem atendido.

No menu consta uma série de pratos alemães e da linha convencional de buteco (fritas, filé, etc). O que eu mais gosto é o Joelho de Porco com batatas fritas, mostarda escura e alguma cerveja que eu ainda não conheço para acompanhar. Assim eu consigo experimentar algo novo mesmo pedindo sempre a mesma porção. ;)
De sobremesa sempre peço um sorvete de Chocolate branco com castanhas. É excelente.
Se preferir, eles possuem um modesto cardápio com outras sobremesas também.


Precisaria de mais umas quatro resenhas para falar da carta de cervejas da casa. Ela possui mais de 750 tipos de cerveja de todas nacionalidades possíveis. Pense em uma cerveja... ok, eles tem essa lá e ela estará gelada.

O Café Viena costuma a ficar cheio nos momentos de Happy Hour, então você pode ter dificuldades para conseguir uma mesa. (Especialmente as que ficam na rua.)

Eles também disponibilizam Wifi de graça (só pedir a senha para o garçom).

Infelizmente os preços são meio salgados. Não é um bar para beber como se no houvesse amanhã.

Estive nesse fds no Café Viena!
É o estabelecimento com a maior cartilha de cerveja que eu já vi até hoje, 720 tipos de cervejas! Uma grande variedade, você encontra cervejas até do Japão.
Os preços variam desde uma simples Brahma ou Skol, até cervejas Alemãs de $ 245!
Mas o local é muito agradável com música ao vivo, sem contar no atendimento que é de primeira

via iPhone

Maravilhoso para um almoço sábado a tarde ou feriadinhos como hoje!O espaço da varanda é top,além de arejado é uma delicia!a comida é perfeita e você pode optar no sistema de self service e fazer porcoezinhas a seu gosto.A carta de cervejas é uma tentação, e você pode escolher entre vários rótulos importados,mas em períodos de verão as vezes as melhores cervejas se esgotam.Há Opcao de chope também.Nao deixe de experimentar a cerveja pilsem da casa,muito boa.se vc ficar na varanda leve repelente pois alguns bichinhos fazem a festa debaixo da mesa rs.se vc gosta de boa comida,boa cerveja e um lugar legal,vale dar um pulinho aqui!

Cerveja?!
Esse é o lugar. A maior carta de cervejas da América Latina! São vários tipos, do mundo todo! Então se você realmente gosta de cerveja, visite o Viena Bier!

O ambiente é bem legal, aconchegante, e se quiser, reservado. Você pode ficar na calçada, onde tem várias mesas e cadeiras, ou se quiser mais discrição ou 'conforto', pode ficar no segundo andar, onde tem umas mesas mais espaçosas.

O cardápio do lugar também é sensacional. Várias comidas típicas alemãs e austríacas, vale muito a pena.

Experimentei um prato de mandioca na manteiga de garrafa e alcatra com queijo que estava simplesmente sensacional.

Possuem uma cerveja de fabricação própria com o mesmo nome da casa, Viena. A primeira cerveja pilsen que experimentei que não é translúcida. Isso mesmo, ela é turva como uma cerveja weiss (de trigo). Muito gostosa a cerveja, recomendo muito!

Existem também sorvetes de sabores exóticos com frutas vindas da Áustria.

Adoro o café Viena e uma das coisas que mais gosto é poder passar uma tarde de sábado provando a carta de cervejas especiais.
Para o almoço a casa possui um buffet bacana que você pode optar ou pelo valor no quilo ou pelo o buffet completo,tudo depende do quanto você come e do tempo que você pretende ficar na casa.
O joelho de porco assado é muito bom,e com cervejas de rótulos variados fica melhor ainda.
Experimente passar uma tarde provando bos cervejas na companhia de bons amigos,tenho certeza que será um final de semana no mínimo divertido.
Primeira opinião do lugar

Adoooro cerveja especial,e já cantei isso aos 4 cantos né?Uma das coisas que mais gosto é ir ao Café Viena,sábado a tarde e degustar algumas cervejas especiais em uma varandinha escondida que eles tem no segundo andar.Fica embaixo de uma árvore em um espaço mega escondidinho e bem fresquinho que eles tem no fundo do salão.A casa é sempre escolhida como a melhor carta de cervejas especias de BH e não é a toa,há uma infinidade de rótulos de vários países.Todas muito boas e a maioria como já disse,importada.Claro que há rótulos nacionais também.
Há chopp como opção também,mas se você já está lá,não deixe de experimentar pelo menos 1 cerveja “diferente”.
A decoração da casa é simples mas bem bacana,mistura um estilo meio alemão,meio austríaco e algo mais retro (há uma lambreta de enfeite no salão.
A comida é algo próximo do divino.Perfeito!Comida alemã de primeira.Adoooro o tradicional joelho de porco e um não muito conhecido Feijão Vienense,que é como se fosse uma feijoada só que com feijão comum.Nossa uma delícia.A casa abre para almoço durante a semana e finais de semana também,e a noite funciona como restaurante para um bom happy hour.
Durante o almoço de sábado há, opção de valores no quilo (self service) ou valores por pessoa (Buffet livre).Aí fica a seu critério.
O restaurante possui 2 andares,e não há acessibilidade nenhuma no andar superior (e no térreo não há banheiro).Os banheiros pequenos,simples mas muito limpos.Ah cuidado ao sair do banheiro,há um degrau que eu sempre me descuido e caio dele.Fica bem na saída do banheiro.(Pode parecer estranho,mas quando você for lá,vai entender o que estou dizendo RS).
Lá aceita todos os cartões e as maquininhas graças a Deus vão a mesa.O dono está sempre por perto e com certeza vai a sua mesa.Há um garçom muito antigo lá também,o Léo,que costuma se lembrar das preferências de cerveja de alguns freqüentadores mais assíduos .
Se você gosta de sorvete,não deixe de provar o sorvete de lá,é artesanal,super cremoso e sem gordura.Uma delíiiiicia!
Para quem gosta de cervejas em sabores mais apurados,precisa dar um pulinho na casa,mas prepare o bolso,cerveja artesanal não é barata,e importada muito menos,mas vale cada gole,digo cada centavo.
Café Viena
http://www.cafeviena.com.br/

Avenida do Contorno 3668- Funcionários
Exibindo 11 opiniões | Total de 11 opiniões
1 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Café Viena? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: