Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

Na real demorei para escrever sobre esse que é meu cachorro quente preferido na cidade. Acho que porque queria escrever algo especial, vamos ver se consigo.

Cachorro quente para mim só existem dois, o que eu faço (inspirada no do Bigode), e o Cachorro do Bigode. Não que nunca tenha provado outros, pelo contrário, provei muitos, até demais. Tanto que durante um tempo nessa minha odisseia em busca do Cachorro quente perfeito, quase desisti, achando que esse não era um lanche para mim, que nunca encontraria algum que realmente agradasse meu paladar. Nem aquele outro, tão famoso, tão adorado (aquele que fica na frente do colégio), me agradava, não tinha jeito.

E foi assim, durante um daqueles almoços preguiça que planejamos com os colegas de trabalho, sabe aqueles que chamamos a tele-entrega e comemos no refeitório? Então, foi durante um desses almoços, no qual estávamos cansados de comer pizza, que optamos pelo famoso Cachorro do Bigode. Fiquei meio receosa, devido à minha falta de compatibilidade com qualquer cachorro quente que tivesse experimentado até aquele momento.

Quando chegou o cachorro, veio o primeiro choque: por causa do tamanho. Assim que me aprontei (colher e muito guardanapo, como com a mão mesmo), veio o segundo choque: o sabor. Não tive como descrever, era bom demais. O que era aquele recheio exageradamente delicioso? O que era o queijo? O que era o molho? E principalmente, o que era aquela maionese? Tudo perfeito, maravilhoso.

Claro que me lambuzei toda. Claro que virei fã na hora. E claro que, toda vez que vou no Centro, e bate aquela fome, passo logo no Bigode clássico (o primeiro). Para os alienados que ainda não conhecem, não sabem o que estão perdendo, é bom demais. E tenho dito, ainda descobrirei a receita da maionese! :)
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.
O melhor cachorro quente para matar a fome e, diferente dos xis que costumam ser "mata fome" mas nem tão bons assim, tem alguma coisa que faz o cachorro quente do bigode ser muito, mas muito bom mesmo: a combinação mortal (pro coração, é claro) de maionese, batata palha e ovo cozido.

Os tamanhos dos cachorros quente variam conforme a sua fome (de gente normal para morto de fome) e também há opções com linguiça e coração de galinha (que eu ainda não tive a oportunidade e provar).

De longe o melhor cachorro quente custo benefício de Porto Alegre. Pena não entregar depois das 11, porque seria o cachorro quente perfeito pra fome da madrugada.

Cresci com meu pai indo ao centro e me levando para comer um cachorro do bigode lá na Galeria do Rosário, alí mesmo, de pé, no meio da galera com aquele monte de milho, ervilha e queijo ralado caído pelo chão.
Cachorro Quente e uma coca-cola.
Esse cachorro é muito bom!
Bem pra OgrosFome!
Vale a pena!
Recomendo, mas não pra quem está com uma fomesinha... tem que ser aquela fome mesmo!
Exibindo 14 opiniões | Total de 72 opiniões
5 opiniões não são recomendadas
Você conhece o Cachorro do Bigode? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: