AMORC - Associação Mistica Ordem Rosa Cruz

nota 4.2 de 5 em 16 opiniões
| Rank: 6º de 37 | Museus


Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opinião em destaque

O seu nome em Latim, Antiquus Mysticusque Ordo Rosæ Crucis. A AMORC é possivelmente a maior fraternidade rosacruz existente, em função de sua rede de Grandes Lojas ter representações em todos os continentes do planeta (http://www.amorc.org).

O rosacrucianismo, escola do Esoterismo Ocidental, praticado pela AMORC foi restabelecido no começo do século vinte (1915), nos EUA, por Harvey Spencer Lewis, que assumiu a responsabilidade de reativar a Ordem Rosacruz na América do Norte. Sob sua orientação foi construído o Parque Rosacruz em San José, Califórnia. Seu filho e sucesso Ralph M. Lewis foi o responsável pelo florescimento da AMORC no mundo inteiro.
avaliações recomendadas
   
Selecione uma nota
Compartilhar experiências reais é nosso objetivo. São filtradas resenhas spam, ofensivas, que não se refiram ao local ou que sejam/pareçam resultado de conflito de interesse.

via iPhone

Lugar muito bacana aberto a visitação. Tem um museu com peças e réplicas do antigo Egito e uma das únicas múmias no Brasil. Há também uma biblioteca infantil. O atendimento é ótimo, as pessoas são muito receptivas. Visita muito interessante para fazer com crianças inclusive.

É um lugar lindo para se visitar, o atendimento é sempre muito bom. Possui um museu egípcio - que tem uma múmia em exposição - biblioteca onde acontecem atividades nos finais de semana para crianças, sala de meditações acompanhadas para os adultos, um bosque lindo...E do lado está o parque Bacacheri, vale muito a pena um passeio por lá também para completar.
Lugar fantástico para ser visitado. Tem toda a decoração egípcia. Há pinturas nas paredes, arquitetura que imitam templos egípcios, uma réplica da pedra roseta e até um museu com peças do antigo Egito , e a incrível múmia que da um medinho de ver.
Tem uma loja que vende itens interessantes como pingentes de correntes com simbolos do Egito.
Atenção para o horário de funcionamento. Consulte antes de ir, mas vá!
A local para estacionar na rua, bem tranquilo não precisa ter medo.

O seu nome em Latim, Antiquus Mysticusque Ordo Rosæ Crucis. A AMORC é possivelmente a maior fraternidade rosacruz existente, em função de sua rede de Grandes Lojas ter representações em todos os continentes do planeta http://www.amorc.org
.

O rosacrucianismo, escola do Esoterismo Ocidental, praticado pela AMORC foi restabelecido no começo do século vinte (1915), nos EUA, por Harvey Spencer Lewis, que assumiu a responsabilidade de reativar a Ordem Rosacruz na América do Norte. Sob sua orientação foi construído o Parque Rosacruz em San José, Califórnia. Seu filho e sucesso Ralph M. Lewis foi o responsável pelo florescimento da AMORC no mundo inteiro.

Um lugar lindo, um jardim encantador, impossível não se admirar, leve câmera, e tire lindas fotos, um ambiente cheio de energia boa... Também leve um dinheirinho (pouca coisa) para comprar papiro... Tem a biblioteca muito boa, cheia de obras raras para consultar, e um museu onde tem a oportunidade de ver uma múmia de verdade e muitas réplicas, sem igual!!!

Eu não acreditei no que estava vendo quando estive pela primeira vez na AMORC... um museu repleto de reproduções de artefatos do Egito antigo, desde instrumentos e utensílios até sarcófagos e múmias... e, como diz o Tiago, dizem até que uma das múmias é verdadeira... mas confesso que eu não levei muita fé nisso.
O espaço não deixa de ser uma viagem no tempo e no espaço, pois trata-se de algo que jamais se esperaria encontrar perdido em Curitiba. Uma vez lá dentro tem-se a nítida impresão de estar em um dos grandes museus de arte egípcia do mundo. Há uma grande riqueza de detalhes e um certo capricho no detalhamento... mas também não vá esperando nem um cenário padrão Disney, não chega perto, muito menos a emoção que se tem ao ver objetos originais... você saberá que são réplicas já na primeira olhada.
De toda forma é um lugar bacana, merece uma visita, e é um ótimo passeio para crianças que podem ter um contato com uma cultura tão distante sem tem de ir passear no Cairo.
Quando eu fui o acesso era livre, mas vale consultar sobre ingressos e horários.

A Grande Loja do Brasil da Ordem Rosacruz implantada em 1956 no Rio de Janeiro, foi transferida para Curitiba em 1960.

O templo faz parte de um conjunto arquitetônico de 06 edifícios em estilo egípcio em homenagem aos seus primeiros membros que se reuniam nas câmaras secretas da grande pirâmide.

Nos outros edifícios funcionam a administração geral, o auditório “H. Spencer Lewis”, um memorial com pirâmide e a Loja Curitiba, onde funcionam a biblioteca e o museu com reproduções de peças egípcias de várias dinastias, inclusive papiros e múmias.

Há um grande teatro que pode ser alugado para eventos, como formaturas. O estilo egipcio dos prédios e adornos, tornam o local um ponto inusitado para ser visitado.
Exibindo 14 opiniões | Total de 15 opiniões
2 opiniões não são recomendadas
Você conhece o AMORC - Associação Mistica Ordem Rosa Cruz? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Conteúdo relacionado O que fazer em Curitiba?
Baixe grátis o app do Kekanto Escolha sua plataforma: