Praça da República

nota 3.4 de 5 em 49 opiniões
|

Praças

| Rank: 7º de 74

Antigamente era conhecida como Largo dos Curros. Ali os paulistanos do século XIX se divertiam ao assistir os rodeios e as touradas da época. De lá para cá o nome do espaço mudou várias vezes. Já foi chamado Largo da Palha, Praça dos Milicianos, Largo 7 de abril, Praça 15 de Novembro e finalmente, em 1889, ficou definido Praça da República.

Feira de arte e artesanato aos sábado e domingos, das 9h às 17h

Oferta

Quer receber ofertas do(a) Praça da República?

No Kekanto os donos de estabelecimentos podem publicar cupons de descontos para todos os seus consumidores. Registre-se e receba gratuitamente todos os descontos.

Cadastre-se grátis agora
Dicas rápidas Ver todas as dicas
Opiniões dos consumidores
Neste ano, 2014, a Praça da República recebeu shows de Hip-Hop durante a Virada Cultural comemorativa de 10 anos. Várias influências da música passaram por seu palco, como por exemplo o Projeto Nave, SNJ e Rapadura.

A praça que é normalmente bem movimentada parou e lotou para os shows que rolaram em 24h de festa. Pelo local também era possível experimentar doces diversos, tempurá, yakissoba e o famoso pastel "de flango" da comunidade chinesa.

Não fiz a "apresentação da praça" porque outros ávidos visitantes já o fizeram, também já me manifestei sobre ela. Vim apenas destacar uma pequena parte cultural que aconteceu. Agora, para quem gosta de artesanato e feirinha gastronômica, passem pela Praça da República aos sábados e domingos. Em 2013 eu comprei um quadro bem bonito nesta praça, há diversos artistas de inúmeras artes (pinturas, esculturas, desenhos, artefatos decorativos, etc.).
A Praça da República já teve vários nomes, mas foi em 1889 que ganhou o seu nome definitivo! :) Localizada no centro de SP, a praça é bem grande e conta com uma das saídas da estação do Metrô República, linhas vermelha/amarela. O antigo colégio Caetano de Campos, hoje sede da Secretária Estadual da Educação, divide espaço com a praça.

Nos fins de semana é realizada uma feira de artesanato com vários expositores. Tem de tudo! Desde quadros até aquelas esculturas de arame torcido. Ali perto também fica um ponto do Airport Service, você pode comprar a passagem ali mesmo para chegar até o aeroporto.

Já foi palco de muitos protestos e manifestações. O Sindicato dos Professores fica na frente da praça, a Secretária de Educação ali perto, então já ligou os pontos, né? rs Quando tem greve a região fica complicada!

Além dos habituais paulistanos apressados, a praça também recebe a visita de muitos turistas e o Free Walking Tour ( um city tour feito em inglês) da região central também sai da praça! :)

Assim como em outros espaços públicos, devemos ficar atentos aos nossos pertences, pois sempre tem um espertinho procurando um distraído para assaltar. Fora isso, aproveite e conheça a Praça da República, um dos postais de São Paulo! ;)
A Praça da República tem duas vertentes:

Durante a noite ela não é bem iluminada e garotos de programa ocupam o espaço juntamente com moradores de rua e dependentes químicos. O local é barra pesada e, por isso, recomendo evitá-la, pois, apesar de haver razoável policiamento, a coisa é trash.

Aos fins de semana, o local muda de cara e ganha uma feira de artesanato e gastronomia interessante. Você encontra roupas, calçados, obras de arte e comidas como Acarajé e bolos recheados entre outros.
Quando fui lá já faz muito tempo foi na feirinha de artesanato que tem lá aos domingos,e quando eu vou fazer compras nem reparo no local,para não ter reparado na época é porque não tinha me chamado a atenção,ou a minha atenção só estava nos artesanatos(rsrsrs),já passei varias vezes na frente ,também nunca tive interesse de conhecer,mas agora da próxima vez que der passadinha ou for na feirinha vou observa-la mais atentamente .
Praça com alguns atrativos, como a feira de artesanato e arte que acontece todos os domingos. É um pedaço de verde no meio do centro de São Paulo.

Além da feira, a praça também é ponto de saída do Free Walking Tour e saída dos ônibus executivos que vão até o aeroporto. É próximo também do prédio do Terraço Itália e também do edifício Copan.

Abriga o Edifício Esther, o Edifício São Tomás, o Edifício Eiffel, projetado por Oscar Niemeyer, e o Edifício São Luiz,
Sempre pensei e vi a praça da Republica como um ponto de referencia de localização e não como um ponto, quem sabe, turístico.
Talve por medo, nunca quis cruzá-la, por saber que lá rola prostituição, venda de drogas, entre outraa coisas.
Porém, ontem estava me sentindo um pouco desbravador e resolvi cruzá-la.
Me espantei com a beleza da praça.
Há um chafariz no meio dela, e bastante gente circula por lá. Confesso que por mais bonit que seja, mesmo assim, não me senti muito seguro lá. Do outro lado da praça, ocorre a feirinha de final de semana. Artesanato e alguns quiosques de alimentação são bastante procurados por turistas.
Resumindo, bonita praça e sinceramente espero que o governo comece a se preocupar mais com o Centro. Afinal, uma região tão bela, não merece o descaso com que tem sido tratada nas últimas décadas.
Exibindo de 1 a 7
Total de opiniões: 49
Você conhece o Praça da República? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)