36 opiniões Nota 3.9 de 5

Corrientes 348 - Vila Olímpia

Restaurantes Argentino

  | Rank: 6º de 39
Corrientes 348 - Vila Olímpia
Mais na região Como chegar

Endereço Rua Comendador Miguel Calfat, 348, Itaim Bibi - São Paulo , SP - Brasil - 04537-081

Telefone 11 3849-... Clique para ver

Preço por pessoa $$$$  (De R$51 até R$100)

Inaugurado há 18 anos, o Corrientes 348 é conhecido como uma das melhores casas de carne argentina em São Paulo. Não é à toa que ganhou medalha, pelo Guia Kekanto, como o 5º melhor na categoria. Em um ambiente descontraído e acolhedor, a casa oferece um cardápio requintado com acompanhamentos, saladas, entradas e sobremesas. Tudo regado com bom vinho.

Dicas Ver todas as dicas
Já foi nesse lugar? Compartilhe sua experiência! Escrever opinião
Opiniões
Fui num sábado a noite em que o plano era ir no Le' entrecote que fica frente e estava lotadíssimo! Valeu a troca!
O local é bem agradável, serviço ótimo, fomos atendidos por uma garçonete muito educada e atenciosa!
De entrada foram servidos pãezinhos de alho na grelha como cortesia da casa! Pedimos o Carré de Cordeiro com batatinhas fritas! Estava muito suculento! O prato estava bem servido e o preço justo comparado ao de outros restaurantes do gênero! Deu para 2 pessoas com o acompanhamento!
De sobremesa sorvete com muito doce de leite argentino( amo! rs)
Saldo da noite: Comida ótima, nada de filas, lugar agradável e preço justo! ( mas ainda falta conhecer o le'entrecote..)
Nossa ideia não era ir ao Parrilla Porteña, mas um bar mega lotado no dia de St. Patrick's Day nos fez mudar de ideia! rs
Isso foi o ano passado, acabamos sentando num bar da região que estava bem vazio e procuramos no Google restaurantes próximos. Encontramos esse argentino e fomos andando até lá!
A decoração é bem bacana! Nos sentamos próximos à janela e logo o garçom nos trouxe o couvert de pãezinhos tostados com chimichurri. Estava gostoso.
Pedimos uma garrafa de vinho argentino e 1/2 parrillada. Veio bem caprichada! Com morcilla, chorizo, mollejas e outras carnes. Não gostei do sabor de algumas, mas é questão de gosto. Para acompanhar pedimos salada e farofa.
De sobremesa não poderíamos deixar de pedir a panqueca de doce de leite, que dividimos. Estava bem gostosa!
Bom, tudo muito bem, tudo muito bom, mas vamos para la cuenta! R$ 280,00, uau!
Mas a culpa não é só deste restaurante não, tenho visto muita gente reclamando do preço dos restaurantes argentinos em SP! Parece que não estão salgando só a carne, também estão salgando os preços!!
Minha primeira parada da Restaurant Week de 2013 foi o Corrientes 348, um restaurante argentino pertinho da praça Buenos Aires (combinou), em Higienópolis. Meu menu: matambrito (capa de costela, sem osso, tão macia que estava desfiando), corte especial 348 (acho que era fraldinha, bem saborosa e mal passada exatamente como tinha pedido) com arroz com alho e flan de queijo (um pudim com gosto leve de queijo, bem bom). Para quem gosta de carne, é uma ótima pedida. Além de tudo, o restaurante fica num restaurante super bonito e o serviço foi bem eficiente (nada daquelas trapalhadas que costumam acontecer em Restaurant Week). Menu de almoço mais água e café deu R$ 47.
Situado numa rua Calma de Higienopolis, instalado num antigo Casarao da regiao, mantem a arquitetura antiga, porem renovada em ambientes de muito bom gosto, a comida segue a excelencia dos outros da rede. Quilmes gelada, Matambrito de entrada e Vacio ao ponto acompanhado de uma salada Recoleta eh o suficiente pra se passar uma tarde excelente no local. Tem uma salinha de recreacao para criancas, ponto positivo!
Esse final de semana fui com umas amigas ao 348 Parrila Porte�a. Como o nome já diz o restaurante serve um verdadeiro churrasco argentino. A casa tem um ar rástico, de restaurante argentino de antigamente. Não lembra o tipo "moderninho" dos restaurantes mais novos de Buenos Aires.


Mas a casa é bem frequentada, tanto por jovens, quanto por famílias. Então se prepare para fila, a primeira vez que fui lá, fiquei mais de uma hora esperando. Aproveite para pedir uma porção de linguiçinha (a fome era tanta que quando eu lembrei de tirar foto, já tinha ido metade do prato). Na foto abaixo, a área externa, que deve ser gostoso de sentar quando não está chovendo


Para beliscar pedimos uma porção de costelinha desfiada. O molho que acompanhava(tambem veio com a linguiça) era muito bom.



Para 5 pessoas pedimos 1 e 1/2 Ojo de bife. A carne estava muito macia e mal passada!


E como acompanhamento Papa tasso (batatas ao murro fritas, servidas com orégano por cima), bem gostosas essas batatas, ótimo acompanhamento.


Atenção para o tamanho dos pratos, dá para dividir em até mais de 2 pessoas.
Resultado, a minha impressão com relação ao restaurante melhorou! (esperei menos na fila, e a conta também foi menor do que na primeira vez)

Restaurante 348 - $$$$
www.restaurante348.com.br

Rua Comendador Miguel Calfat, 348 - Vila Olímpia
Fone: (11) 3849-0348

O restaurante também tem uma filial em Brasília.
Minha prima que mora em Brasília colocou no seu blog sua experiência (nada agradável) no restaurante de lá. Para quem se interesar.

Endereço de Brasília: CLS411 - Bloco D - loja 36
Fone:
Desde que voltamos da Argentina, unindo nossa paixão por carne vermelha e a curiosidade por novos argentinos em terras paulistanas, planejávamos conhecer o restaurante 348 La Parrilla Porteña.
Visitamos a casa que fica na rua Comendador Miguel Calfat, 348, no bairro da vila Olímpia.

A casa conta ainda com mais dois endereços, em Higienópolis e uma filial em Brasília.
Fomos em um sábado e no nosso horário nada usual de almoçar, às 17h e para nossa surpresa, o restaurante ainda estava lotado e com um filazinha de espera.

A casa é grande, conta com 2 ambientes, uma pequena varanda e o salão principal.
Nos foi servido um pratinho com pão grelhado com chimichurri. Paozinho quentinho, tostadinho e macio.

De entrada, pegamos duas empanadas de carne temperada. As empanadas eram fritas, bem gostosas e sequinhas, o tempero da carne estava muito bom e bem molhadinha, pena que eram um pouco pequenas.
A maioria das carnes servem duas pessoas, então pedimos o bife de chorizo e a dupla básica argentina: papas fritas e cebola parrillera.

A carne era grandona mesmo, e embora estivesse gostosa, tinha algumas partes um pouco mal passada demais e com vários pedaços de gordura dentro, o que atrapalhava um pouquinho, mas no geral estava boa.

As fritas eram normais, mas a cebola parrillera estava ótima. Nos surpreendeu a porção bem exagerada, que servia bem até 3 pessoas e vinham em pedaços com um molhinho quente, que deixava a cebola muito macia.

O toque final era o chimichurri, aquele molhinho apimentada de ervas que eu simplesmente amo.
No geral, o lugar é legal, o ambiente é amplo e bem decorado. Acho que o único defeito que achamos é que a casa é muito lotada, e o barulho incomoda bastante. Além disso, os garçons são todos bem jovens, que apesar de se encaixarem no perfil da casa, um misto de restaurante e barzinho, com a casa cheia, eles correm desnorteados pra lá e pra cá, pecando na qualidade do serviço.
Tivemos que ter paciência a cada pedido feito ao garçom. Tirando estes contratempos, o passeio valeu a pena.
Estive no 348 em um sábado a tarde por volta das 13:00. O restaurante ainda não estava lotado e foi tranquilo conseguir uma mesa sem ter que esperar. Ao meu ver o 348 é um bom restaurante, mas é um pouco "overrated". O ambiente é OK e o atendimento foi muito bom, mas a qualidade dos pratos não foi extraordinária. O pão do couvert estava frio, as linguiças aperitivo são pré-assadas e depois colocadas na grelha qdo o cliente pede para esquentar, o que não é ideal. As carnes estavam boas, mas, novamente, nada super especial. As batatas estavam um pouco gordurosas e a assada veio morna. A impressão que tive é que o restaurante está otimizando os processos para atender um volume maior de pessoas, mas é natural que o capricho e a qualidade sofram um pouco com isso. No final, a experiência foi boa, e basta. Ainda prefiro o ambiente menor e o churrasco do Barbaro.
"Couvert"
Nos últimos anos abriram muitas casas de parrilla na cidade de São Paulo. No entanto, a intensa proliferação dessas churrascarias argentinas foi insuficiente para ofuscar representantes do gênero estabelecidos há mais tempo na paulicéia.
Exemplo disso é o 348 Parrilla Porteña – também conhecido como Corrientes 348 – e sua longa fila de espera nos fins de semana. A casa foi aberta há 10 anos, no número 348 de uma rua da Vila Olímpia. Uma grande coincidência que remete à letra de “A media luz”, tango imortalizado por Carlos Gardel e que pode ser ouvido no site do restaurante.
O local é extremamente agradável, a começar pela florida e arborizada entrada, cujo belo visual minimiza o tédio da espera por uma mesa.

Assim que conseguimos um lugar, enganamos a fome com empanadas de carne com uva passa (R$ 4 cada), na companhia de ½ jarra de sangria (R$ 18). Sem dúvida, um bom começo.

Nas carnes, oferta dos cortes tradicionais argentinos. Nossa escolha foi ½ porção de ojo de bife, ao preço de R$ 42 (o inteiro custa R$ 76). Para acompanhar, ½ arroz parrillero com lingüiça picante, ovos e batata palha (R$ 9) e uma papa parrillera com manteca (batata grelhada com manteiga, por R$ 10).

Valeu a espera: a carne estava bem saborosa e chegou no ponto que pedimos.

Brincando de Chef – www.brincandodechef.com.br
Lugar típico de comidas Argentinas.
Não se pode esquecer de comer as empanadas de carne e queijo com cebola.
Com relação as carnes, minha sugestão e pedir o bife ancho, "Ojo del Prato" acompanhado de papa fritas (batatas fritas) com alho e chimichurri (salsinha).
Vale muito a pena destacar o bom atendimento dos funcionários e a organização do local.
Fui convidado por uma amigo para almoçar , quando ele me perguntou aonde eu queria ir falei:

"um lugar que não seja muito careta, que tenha uma Tv para ver um joguinho de relance , tomar uma boa cerveja e comer uma carne maravilhosa".

Rapidamente já estávamos no 348. E longe de rápido conseguimos nos sentar. Ficamos na porta botando o papo em dia apreciando os Porsches qu não paravam de passar.

Depois de uma hora de espera e a cerveja fazendo efeito no estômago vazio conseguimos entrar. Fomo atendidos com perfeição e recebemos excelentes dicas.

Começamos com Linguiça Picante e o Molho da casa, combinação perfeita com a Cervejinha.

De prato principal Bife De Chorizo , Cebola Assada e Batata da Casa.

Muito bom, especialmente a Carne e a Cebola. Quantidade muito bem servida para duas pessoas!

Fui convidado, não paguei nada, mas sei que a conta deu R$ 215,00.

Gostei muito da comida, atendimento e o clima do lugar. Quando hiiuver oportunidade voltarei para experimentar outros pratos.
Exibindo de 1 a 14
Total de opiniões: 36
Você conhece o Corrientes 348 - Vila Olímpia? Escreva uma opinião! Dê sua nota! Nota geral
Passe o mouse pelas estrelas clique para dar nota

Opinião
Para enviar fotos ou preencher os campos adicionais, faça seu (Você não perderá a opinião escrita)

Baixe o app grátis Veja mais